23 de abril de 2024 Atualizado 17:35

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

ESTELIONATO

Suspeito de golpes em imobiliária de Americana diz que, com ele preso, clientes não terão dinheiro de volta

Rogério Stoque garantiu que irá se entregar à Justiça nos próximos dias, mas afirmou que isso prejudicará um suposto plano de pagamentos

Por Gabriel Pitor

23 de fevereiro de 2024, às 08h06 • Última atualização em 23 de fevereiro de 2024, às 08h07

Rogério Stoque gravou um vídeo sobre o assunto - Foto: Reprodução

Acusado por cerca de 50 pessoas de realizar golpes envolvendo transações imobiliárias, o empresário Rogério Luis Stoque, 42, afirmou que, com ele preso, os clientes não serão ressarcidos. O proprietário da Brasil Imobiliária, no Jardim Girassol, em Americana, se pronunciou em um vídeo publicado em uma rede social nesta quinta-feira (22).

Stoque chegou a ser preso em flagrante, no dia 5 de fevereiro, por estelionato e associação criminosa. Porém, no último dia 17, a 1ª Vara Criminal de Americana concedeu liberdade provisória ao empresário. A medida foi revogada nesta quarta (21), mas ele não foi localizado pela polícia.

No vídeo desta quinta, o suspeito garantiu que irá se entregar à Justiça nos próximos dias, mas afirmou que a sua prisão irá prejudicar quem deseja receber os valores investidos, já que não teria possibilidade de colocar em ação um suposto plano de pagamentos.

📲 Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

“Preso, eu vou pagar as dívidas com a pena e vocês não vão receber. Os mais prejudicados vão ser vocês que precisam receber”, pontuou.

Na sequência, ele relatou que os compromissos com os clientes não foram honrados devido a uma crise financeira. O empresário também justificou que perdeu muito dinheiro ao fazer o resgate de um dos seus filhos que teria sido sequestrado no ano passado.

Como garantias para fazer os pagamentos, Stoque afirmou que tem dois terrenos: um no Jardim da Balsa, em Americana, segundo ele avaliado de R$ 500 mil a R$ 600 mil; e outro na Chácara Santa Paula, em Limeira, que valeria R$ 1 milhão.

Siga o LIBERAL no Instagram e fique por dentro do noticiário de Americana e região!

Este último terreno estaria de posse compartilhada com a ex-companheira de Stoque, Priscila Fernanda de Souza, 40, que, de acordo com o empresário, não estaria permitindo a venda do imóvel.

IMBRÓGLIO

Ao LIBERAL, Priscila confirmou que essa propriedade pertencia a ambos, mas também mostrou uma escritura realizada em abril de 2023, que oficializa a venda de Stoque para ela, portanto, segundo a ex-companheira “ele não poderia dar como garantia um terreno que não é mais dele.”

Ela também contou que na matrícula do imóvel ainda consta o nome de ambos porque está em andamento na Justiça um processo para tentar dissolver a união estável.

Quanto ao sequestro, Priscila afirmou que aconteceu, mas que o autor foi uma vítima de um golpe do empresário no valor de R$ 90 mil.

O sequestrador teria cobrado o dinheiro de volta para liberar o filho. A Polícia Civil confirmou que há um boletim de ocorrência de 2 de dezembro de 2023 sobre o caso, mas nele o autor não é identificado.

Faça parte do Club Class, um clube de vantagens exclusivo para os assinantes. Confira nossos parceiros!

Por fim, ela disse que se sente ameaçada pelo suspeito, inclusive sobre as denúncias de estelionato. O LIBERAL teve acesso a um boletim de ocorrência, de agosto de 2023, no qual Priscila solicitou medida protetiva, posteriormente concedida pela Justiça, por conta de supostas ameaças de Stoque.

O advogado de Stoque, Demétrio Orfali Filho, disse que não irá se manifestar sobre “casos pessoais” e afirmou que Priscila está tentando uma “vingança pessoal.”

Ainda de acordo com Demétrio, a escritura não garante a propriedade do imóvel para a ex-esposa, visto que eles tiveram uma união estável e será solicitado na Justiça a divisão igualitária do imóvel. Ele garantiu que todas as vítimas serão pagas.

As notícias do LIBERAL sobre Americana e região no seu e-mail, de segunda a sexta

* indica obrigatório

Publicidade