18 de junho de 2024 Atualizado 18:20

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

ABASTECIMENTO

DAE afasta funcionário por erro na captação e falta d’água segue pelo 3º dia

Funcionário demorou a informar rompimento de uma junta, o que levou ao comprometimento de motores das bombas de captação

Por Gabriel Pitor

11 de junho de 2024, às 07h47 • Última atualização em 11 de junho de 2024, às 09h26

O DAE (Departamento de Água e Esgoto) de Americana afastou um funcionário devido a um erro no monitoramento do sistema de captação de água.

O trabalhador demorou para informar o rompimento de uma junta no último sábado (8) e com isso os motores das bombas de captação foram danificados, o que fez com que a cidade chegasse nesta segunda-feira (10) ao terceiro dia com problemas no abastecimento.

Manutenção em bomba da captação de água em Americana – Foto: DAE Americana

De acordo com a autarquia, o sistema de captação do Rio Piracicaba é monitorado por câmeras e possui um operador de bomba responsável por acompanhar, por meio de uma tela, e fazer rondas a cada 30 minutos para verificar o local.

Na madrugada de sábado, quando houve o rompimento em uma junta de um registro da captação, o funcionário teria de acionar, imediatamente, seus superiores no DAE. Porém, esse aviso só aconteceu duas horas após o ocorrido, segundo gravação das câmeras de monitoramento. Como as bombas ficam em um lugar fechado, semelhante a um fosso, a água começou a subir.

📲 Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

De acordo com o departamento, há um sensor que detecta rompimentos e ativa uma outra bomba, que retira a água do local. Entretanto, isso não teria sido suficiente para impedir que os maquinários ficassem completamente submersos, o que danificou os motores.

Diante da situação, o DAE afastou o trabalhador e informou que iniciou processo de abertura de sindicância para apurar os fatos. Na tarde desta segunda, um dos quatro motores da nova captação foi religado, aumentando o nível de captação para 90%.

Reclamações

Embora a autarquia tenha providenciado as manutenções, a situação fez com que Americana chegasse, nesta segunda, ao terceiro dia consecutivo com falta d’água.

O LIBERAL recebeu reclamações de moradores dos bairros São Vito, São Luiz, Terramérica, Vila Amorim, Parque Gramado, Vale das Paineiras, Praia dos Namorados, Jardim da Balsa, Cidade Jardim e Santa Maria.

Siga o LIBERAL no Instagram e fique por dentro do noticiário de Americana e região!

A aposentada Vera Lúcia Braconi, de68 anos, mora no São Vito e disse que tem ido buscar água em poços artesianos. “Não enche a caixa, eu uso o banheiro com um balde e quando vou tomar banho, lavo a cabeça no tanque de roupa”, contou.

Faça parte do Club Class, um clube de vantagens exclusivo para os assinantes. Confira nossos parceiros!

Já o assistente de TI e morador do São Jerônimo Maurício Marques Corniani, 37, relatou que por volta das 5h desta segunda, depois de três dias sem abastecimento, a água chegou a voltar em pequena quantidade, mas logo parou.

A reportagem constatou que vários reservatórios do município estavam com níveis baixos. O DAE explicou que isso é normal devido à quantidade de água captada e informou que a normalização do abastecimento está sendo gradativa.

Publicidade