27 de fevereiro de 2024 Atualizado 10:55

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

futuro próximo

Como é o Qashqai, o SUV que a Nissan deve produzir no Brasil

Atualmente o modelo está na 3ª geração, lançada globalmente em fevereiro de 2021; carro deve chegar por aqui em 2025

Por Marcelo Palomino / Auto Press

11 de novembro de 2023, às 08h51 • Última atualização em 11 de novembro de 2023, às 08h53

O presidente e CEO da Nissan Motor Co, Makoto Uchida, viajou literalmente meio mundo para anunciar no Brasil o investimento de R$ 2,8 bilhões na fábrica de Resende, no Rio de Janeiro.

Qashqai é um projeto sigiloso da Nissan para o Brasil – Foto: Divulgação

Essa verba se destina a dois projetos, um anunciado e outro sigiloso. O revelado é a produção da 2ª geração do SUV compacto Kicks, para suceder o atualmente produzido no Brasil.

Em relação ao sigiloso, o executivo se limitou a divulgar que se trata de um SUV. Não é difícil inferir, no entanto, que se trata do Qashqai.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

O modelo é o único SUV médio-compacto da marca vendido no Ocidente e chegaria para disputar espaço onde já estão Jeep Compass, Volkswagen Taos, Toyota Corolla Cross e Honda ZR-V.

Atualmente, o modelo está na 3ª geração, lançada globalmente em fevereiro de 2021, e deve receber uma reestilização de meia-vida para a linha 2025 – que seria a ocasião ideal para o lançamento no Brasil.

Por dentro o design do painel é moderno e cockpit transmite conforto – Foto: Divulgação

Ele deve estrear o novo motor turbo, também anunciado para ser feito em Resende.

O mais cotado é o KH5T, um propulsor 1.5 turbo que acompanha o sistema ePower, no qual o motor atua como gerador para alimentar as baterias de um ou dois motores elétricos.

Siga o LIBERAL no Instagram e fique por dentro do noticiário de Americana e região.

As potências atualmente vão de 134 a 190 cv com torques de 24 a 34 kgfm. A motorização convencional oferecida seria com o propulsor HR13DDT, produzido pela Renault no Paraná sob o nome de H5Ht, conhecido comercialmente como TCe 1.3 turbo, de 170 cv e 27,5 kgfm, que equipa as versões de topo do Duster e da Oroch.

O Qashqai avaliado no Chile tem exatamente esta última motorização, e por lá é gerenciada tanto por um câmbio manual de seis marchas – que no Brasil não tem mais mercado – quanto pelo câmbio CVT XTronic.

SUV tem 4,43 metros de comprimento e 1,84 metro de altura – Foto: Divulgação

TAMANHO

Ele tem 4,43 metros de comprimento, 1,84 m de largura, 1,63 m de altura e 2,67 m de entre-eixos – medidas intermediárias entre o Kicks e o X-Trail.

A altura livre para o solo é de 20 cm e o porta-malas comporta 430 litros.

Os faróis full led trazem as clássicas luzes diurnas em forma de bumerangue e as lanternas traseiras mantiveram os piscas integrados.

Por dentro, o design do painel é moderno. A tela flutuante na versão de topo avaliada é de 9 polegadas, enquanto o cluster é separado e totalmente digital, com 12 polegadas. Ainda não há previsão de preços.

Publicidade