01 de março de 2021 Atualizado 10:50

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

COVID-19

Santa Bárbara recebe 1.200 doses da vacina de Oxford

Lote foi retirado pela prefeitura na cidade de Campinas; profissionais de saúde da linha de frente são prioridade

Por André Rossi

26 jan 2021 às 18:34 • Última atualização 29 jan 2021 às 09:28

Santa Bárbara d’Oeste recebeu nesta terça-feira (26) um total de 1.200 doses da vacina de Oxford, desenvolvida pela farmacêutica britânica AstraZeneca. O lote foi retirado pela prefeitura junto ao GVE (Grupo de Vigilância Epidemiológica) de Campinas.

Vacinas da farmacêutica AstraZeneca serão aplicadas em profissionais de saúde – Foto: Prefeitura de Santa Bárbara / Divulgação

A vacina será aplicada em profissionais de saúde que atuam na linha de frente no combate à pandemia do novo coronavírus (Covid-19). A prioridade são os trabalhadores Hospital Santa Bárbara, Hospital de Campanha e demais estruturas da rede municipal de Saúde.

Na última quinta-feira (21), o município recebeu 1.560 doses da CoronaVac, do Instituto Butantan. A previsão do Estado é que o novo lote para a aplicação da segunda dose seja enviado em até 15 dias. 

A Secretaria de Saúde de Santa Bárbara d’Oeste informou que, até o momento, foram aplicadas 462 doses da CoronaVac em profissionais de saúde da cidade.

Região

Americana também recebeu nesta terça-feira as vacinas de Oxford. O lote conta com 2.290 doses.

Até agora, a cidade vacinou 1.485 pessoas, segundo balanço divulgado pela prefeitura nesta terça-feira.

Na segunda-feira, o governo estadual havia divulgado que a região de Campinas receberia 44,9 mil doses da vacina, por meio das unidades de Vigilância Epidemiológica regionais.

As demais cidades da RPT (Região do Polo Têxtil) – Hortolândia, Nova Odessa e Sumaré – ainda não receberam as vacinas de Oxford.

Publicidade