29 de junho de 2022 Atualizado 18:40

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

On-line

Detran promove leilão com 399 veículos em Campinas

Veículos disponibilizados foram apreendidos por questões administrativas, como falta de licenciamento e apreensão por alcoolemia

Por Stela Pires*

11 de janeiro de 2022, às 13h20 • Última atualização em 11 de janeiro de 2022, às 13h22

O Detran (Departamento Estadual de Trânsito) de São Paulo realiza nesta quarta (12) e quinta-feira (13) um leilão on-line com 399 veículos, em Campinas. Fazem parte do certame lotes com direito à documentação, fim de vida útil para desmonte e sucata inservível.  

Os veículos disponíveis são apreendidos por questões administrativas como, por exemplo, falta de licenciamento, CNH vencida e apreensão por alcoolemia, entre outros.

Com arrematante no leilão, o veículo sai quitado, sem nenhuma dívida, já que o valor arrecadado no certame é utilizado pelo departamento justamente para quitar os débitos do proprietário junto ao Estado.

A inscrição para participação deve ser feita pelo site da empresa responsável pelo certame. Após a inscrição, o cidadão receberá uma senha para sua participação.

A visita ao pátio para verificação das condições do veículo poderá ser feita nesta terça-feira (11), na Rua Antônio Manuel, 50, Vila Industrial, Campinas, das 9h às 12h e 13h às 16h.

Cuidados necessários para participar

Os leilões são opções para se adquirir veículos a preços convidativos, mas é preciso ter cuidado para não cair em sites falsos. O primeiro passo para participar dos leilões oficiais do Detran.SP é acessar o portal www.detran.sp.gov.br, onde está publicado o edital.

Este documento trará dados importantes, como nome e contato do leiloeiro e dados dos veículos. É importante ficar atento, ainda, às fotos exibidas nos sites falsos, que trazem imagens de veículos lavados e estacionados em vagas separadas.

Empresas que estiverem executando certames ilegais usando o nome do Detran.SP para leilões de veículos devem ser denunciadas à Polícia Civil e à Ouvidoria do Detran.SP no site do departamento.

*Estagiária sob supervisão de Talita Bristotti

Publicidade