Cultivo de orquídea vira terapia ocupacional

Americana tem, a partir de sexta, exposição de orquídeas, cujo cultivo é usado até como terapia ocupacional


Há 25 anos, as orquídeas fazem parte da vida do aposentado Luiz Francisco Bordignon. O gosto pela planta foi herdado da mãe e mais que um hobby, é um estilo de vida. Ele possui cerca de 300 espécies e 50 mil plantas, que cultiva num espaço de 1,2 mil metros quadrados.

“É como um filho. Você cuida e acompanha o desenvolvimento e crescimento”, compara. Além dos cuidados diários com a planta, ele se dedica a fazer palestras, participar de exposições e encontros sobre orquídeas. Segundo Bordignon, essas ocasiões também são importantes para divulgar a orquidofilia e a troca de informações sobre as espécies.

Foto: Marcelo Rocha / O Liberal
Há 25 anos, orquídeas fazem parte da vida de Luis Bordignon

Além de despertar paixões, a orquídea também ajuda a formar novas amizades. “Através das orquídeas, fiz amigos no Brasil todo e até fora do país”, diz. Há 15 anos, o hobby virou negócio e hoje ele se dedica também a vender espécies da planta. No seu orquidário particular, ele tem a área com sua coleção pessoal e as espécies que comercializa.

“Muitas das pessoas que me procuram acabam se tornando amigas. O interesse pelas orquídeas une as pessoas”, reforça. A relação do produtor com a planta passa também pela preocupação com a sua preservação em seu habitat natural. Ele trabalha com melhoramento genético das espécies em laboratório e contribui com a natureza devolvendo aquelas ameaçadas de extinção.

Bordignon chama atenção também para o uso das orquídeas como terapia por prescrição médica. O ato de cultivar a planta, garantindo a ela os cuidados necessários para o seu bom desenvolvimento e floração, ajuda a ocupar a cabeça e o tempo e por isso acaba sendo adotado como terapia por muita gente.

“O cultivo de orquídeas é considerado como terapia ocupacional. Tenho clientes e amigos que se tornaram orquidófilos porque os médicos recomendaram que adotassem uma terapia e eles passaram a cultivar orquídeas”, diz.

Exposição

A partir da próxima sexta, até domingo, acontece a 49ª Exposição Nacional de Orquídeas de Americana. O evento será realizado nos pavilhões da Fidam (Feira Industrial e Americana), com apoio do Grupo Liberal de Comunicação. O evento terá entrada franca e expectativa de reunir 11 mil pessoas.

A estrutura do evento inclui a venda de espécies, defensivos, adubos e acessórios para cultivo e manejo. Os visitantes também encontrarão vasos artesanais, bonsais e praça de alimentação. Na área dedicada à exposição, os visitantes terão a chance de observar espécies de colecionadores, incluindo orquídeas raras e valiosas. Associações de orquidófilos irão expor vasos da planta.

No primeiro dia da exposição, na sexta, a venda de espécies acontece a partir das 8h e a exposição começa às 19h. No sábado, venda e exposição das 8h às 20h. E no dia 25, domingo, das 8h às 17h.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora