05 de agosto de 2021 Atualizado 01:17

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Motors

Primeiro veículo 100% elétrico da Volvo chega ao Brasil

XC40 P8 AWD Recharge tem um conjunto de motores que entrega 408 cv; preço pré-venda de R$ 389,9 mil

Por Ivana Gabriella Cenci / Auto Press

19 jun 2021 às 10:35

Na Volvo, o programa de eletrificação está em andamento a todo vapor: embora o objetivo seja ter uma gama de carros exclusivamente baseados em bateria em 2030, a marca sueca já está preparando o terreno graças a dois modelos particulares, especificamente o C40 Recharge e o mais poderoso XC40 Recharge já lançado, com o nome Pure Electric P8 AWD. No Brasil, o modelo P8 entrou em pré-venda por R$ 389.950 e as primeiras unidades serão entregues em setembro.

Para animar o novo Volvo XC40 P8 foram escolhidos dois motores que garantem tração nas quatro rodas – Foto: Divulgação

O Volvo XC40 “normal”, na verdade, é um modelo em circulação desde 2017 e, portanto, já bem rodado. Em 2019, ele ganhou uma versão híbrida plug-in – daí a designação Recharge – e agora chega com uma configuração 100% elétrica, condição que é identificada facilmente pela grade frontal fechada.

Outros detalhes são e a inscrição P8 no emblema trapezoidal no lado direito da tampa traseira, a ausência de ponteiras de escape, o soquete de carregamento no para-lama esquerdo traseiro – na versão híbrida, ele fica no para-lama dianteiro direito, e o chamado “frunk”, ou seja, o pequeno porta-malas dianteiro adicional de 31 litros, que compensa em parte a perda de 47 litros do porta-malas traseiro, que ficou com 413 litros.

O interior é também substancialmente idêntico ao da versão endotérmica, mas embelezado pela presença do inovador sistema operacional Android Automotive para infoentretenimento. Ele é gerenciável através de uma tela verticalizada com 9 polegadas e traz os principais serviços do Google, como Maps, Play Store e Assistant.

Para animar o novo Volvo XC40 P8 foram escolhidos dois motores elétricos – um no eixo dianteiro e outro na traseira – que garantem, portanto, tração nas quatro rodas. As especificações técnicas são absolutamente interessantes para um SUV desta categoria: a potência chega a 408 cavalos, enquanto o torque, entregue de forma praticamente instantânea, atinge os impressionantes 67,3 kgfm. Este conjunto acelera o modelo elétrico de zero a 100 km/h em apenas 4,6 segundos.

Para movimentar tudo isso há uma bateria de 75 kWh de alta capacidade, que promete até 418 km de alcance no ciclo europeu WLTP ou 330 km no ciclo estadunidense EPA. O carregamento básico, com o wallbox de 11 kW, como o fornecido pela Volvo para seus consumidores, leva cerca de 8 horas. Em um futuro possível, colunas de carga rápida com corrente direta de 150 kW podem atingir 80% da disponibilidade de energia em apenas 40 minutos.

Publicidade