29 de novembro de 2020 Atualizado 16:21

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

SEGUNDA DIVISÃO

Com dois de Brendon, Rio Branco vence e assume a liderança

Vitória por 2 a 1 sobre a Itararé, no estádio Décio Vitta, coloca o Tigre na ponta do Grupo 4, com sete pontos

Por Rodrigo Alonso

28 out 2020 às 18:04

Brendon marcou os dois pelo Rio Branco, em jogo realizado no Décio Vitta - Foto: Alex Ferreira - Rio Branco

Com dois gols de Brendon, o Rio Branco venceu a Itararé por 2 a 1 nesta quarta-feira e assumiu a liderança do Grupo 4 do Campeonato Paulista Sub-23 Segunda Divisão, a popular Bezinha. O confronto aconteceu no estádio Décio Vitta, em Americana, e foi válido pela quarta rodada.

Pequeno anotou o único tento dos visitantes. Com o resultado, o Tigre chegou aos sete pontos. O próximo compromisso do time será o dérbi contra o União Barbarense, no próximo domingo, às 10 horas. Os rivais vão se enfrentar no estádio Antonio Lins Ribeiro Guimarães, em Santa Bárbara d’Oeste.

O Rio Branco tomou as primeiras iniciativas da partida. Logo aos 5 minutos, o lateral-esquerdo Leandro Guizi cobrou falta frontal e fez o goleiro espalmar no lado direito, à meia altura.

O Tigre continuou em cima do adversário e com mais posse de bola, até que, aos 10 minutos, inaugurou o marcador. Em cobrança de falta pela lateral, Thiago cruzou fechado, a bola passou pela primeira trave, e Brendon desviou para o gol: 1 a 0.

Porém, aos poucos, a equipe americanense piorou em campo. O time também perdeu intensidade na marcação e começou a dar espaços para o adversário, que deixou tudo igual aos 38 minutos.

Válvula de escape da Itararé, Rodrigo Pelé fez fila pela esquerda, invadiu a área e acabou derrubado por Eduardo Brito. A arbitragem assinalou pênalti, convertido por Pequeno, que bateu alto, no lado direito de Felipe Ramos: 1 a 1.

Após o intervalo, o Rio Branco voltou a se impor e retomou a vantagem aos 7 minutos. Matheus Carioca tentou acionar Thiago, mas a bola ficou mais perto do goleiro, que saiu mal e não partiu para o abafa. Thiago se aproveitou da indecisão de João Sene, pegou a bola e tocou para Brendon, que só precisou empurrar para a rede: 2 a 1.

Em busca do empate, a Itararé se lançou para o ataque e passou a permitir os contra-ataques do Tigre, que apostava em jogadas pelas pontas, com Thiago e Higor Baratinha. O placar, no entanto, não mudou.

FICHA TÉCNICA

RIO BRANCO
Felipe Ramos; Matheus Pimentel, Eduardo Brito, Crepaldi e Leandro Guizi (João Marcos); Hércules, Gustavo Gomes e Matheus Carioca (Arthur); Lucas Soares (Higor Baratinha), Brendon (Lucas Prado) e Thiago. Técnico: Marcos Campangnollo.

ITARARÉ
João Sene; Janiel (Guga), Bruno Van Dal, Diego e Filipe Renan; Daniel, Pequeno, Tubarão e Marcelo (Vinicius China); Rodrigo Pelé (Marcelo Burim) e João Pedro. Técnico: Rodrigo Casa Grande.

GOLS: Brendon aos 10’/1T e 7’/2T (Rio Branco); Pequeno aos 38’/1T (Itararé).
CARTÕES AMARELOS: Hércules, Matheus Pimentel, Crepaldi, Leandro Guizi e Higor Baratinha (Rio Branco); Daniel, Diego (Itararé).
ÁRBITRO: José de Araújo Ribeiro Junior.
LOCAL: Estádio Décio Vitta, em Americana (SP).

Publicidade