28 de fevereiro de 2024 Atualizado 17:10

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Região

Segundo o Censo 2022, região tem 1.537 estabelecimentos religiosos

Número é maior do que unidades de saúde ou instituições de ensino, que somam 1.068 e 767, respectivamente

Por Ana Carolina Leal

03 de fevereiro de 2024, às 09h47

Templo da Universal do Reino de Deus em construção no Centro de Americana - Foto: Claudeci Junior_Liberal.JPG

A RPT (Região do Polo Têxtil), que engloba os municípios de Americana, Santa Bárbara d’Oeste, Nova Odessa, Sumaré e Hortolândia, tem 1.537 estabelecimentos religiosos, de acordo com novos dados do Censo 2022, divulgados nesta sexta-feira pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

O número é maior do que unidades de saúde ou instituições de ensino, que somam 1.068 e 767, respectivamente. O IBGE entende como estabelecimento religioso as igrejas, os templos, as sinagogas e os terreiros.

A socióloga e mestra em filosofia Luísa Girardi afirma que a região tem raízes históricas que influenciam a atual configuração. De acordo com ela, com a vinda de ex-confederados do sul dos Estados Unidos após a Guerra Civil Americana, a região recebeu uma população de forte vínculo com valores conservadores e uma cultura religiosa marcante.

Faça parte do Club Class, um clube de vantagens exclusivo para os assinantes. Confira nossos parceiros!

Luísa destaca ainda que muitas das instituições de ensino na região também têm caráter religioso, como é o caso do Colégio Dom Bosco e da Politec, o que reflete a influência da religião no setor educacional.

Além disso, a socióloga aponta que o ensino religioso voltou a ser uma realidade em escolas, evidenciando não apenas o peso da história, mas também o impacto político dos líderes religiosos, com a presença significativa da bancada evangélica no Congresso Nacional.

Publicidade