29 de novembro de 2021 Atualizado 18:56

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

CONVÊNIO COM ESTADO

Nova Odessa assina convênio para construção de base do Corpo de Bombeiros

Previsão é de que unidade, a ser construída em uma parceria envolve Governo do Estado, fique pronta em 2022

Por Pedro Heiderich

18 nov 2021 às 19:32 • Última atualização 18 nov 2021 às 19:35

Convênio foi assinado no gabinete do prefeito – Foto: Divulgação/Prefeitura de Nova Odessa

O prefeito Cláudio José Schooder, o Leitinho (PSD), assinou na quarta-feira (17) o convênio para a instalação de uma Base do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar do Estado de São Paulo em Nova Odessa. A previsão é de que a unidade fique pronta em 2022.

O documento, já assinado pelo comandante do 16º Grupamento de Bombeiros do Interior, coronel Harley Washington Ferreira, segue para coleta de assinaturas do comandante da PM (Polícia Militar) e do secretário de Segurança Pública, para formalizar o convênio.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

Conforme definido no início deste mês, a nova base do Corpo de Bombeiros vai ser construída pela prefeitura em um terreno municipal de 4 mil metros na Avenida João Pessoa, no Bosque dos Cedros, próxima ao cruzamento com a Avenida Ampelio Gazzetta.

Construída a base, o Estado deve destinar para Nova Odessa, um caminhão motobomba de e uma unidade de resgate, Equipamentos de Proteção Individual, equipamentos eletrônicos, sistemas e efetivo de 14 profissionais (cujos salários e benefícios também vão ser pagos pelo Estado). A prefeitura vai arcar com os custos mensais da base (água, luz e telefone).

Nova Odessa conta com um grupo de bombeiros voluntários, com equipes para resgate e remoção de feridos leves. Casos graves demandam acionamento das unidades de Americana e Santa Bárbara d’Oeste.

Complexo de Segurança

Leitinho revelou ainda que o deputado estadual Rafa Zimbaldi (PL) está intermediando, junto ao Governo do Estado, um recurso de R$ 1,5 milhão para auxiliar Nova Odessa na construção do novo “Complexo de Segurança” da João Pessoa.

Além da base do Corpo de Bombeiros da PM, o local também deve receber, no futuro, as sedes da GCM (Guarda Civil Municipal) e da Defesa Civil Municipal.

Publicidade