26 de maio de 2024 Atualizado 15:47

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Hortolândia

DIG prende mais um suspeito de integrar a quadrilha da Família Fala Fina

O grupo é investigado por comandar o tráfico em Hortolândia

Por Paula Nacasaki

08 de maio de 2024, às 14h03 • Última atualização em 08 de maio de 2024, às 16h43

Ação da DIG aconteceu na noite de terça-feira - Foto: Divulgação_DIG

Policiais civis da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Americana prenderam, nesta terça-feira (7), em Hortolândia, um homem de 29 anos, suspeito de integrar o grupo criminoso da “Família Fala Fina”, responsável pelo tráfico de drogas na cidade. Antes da detenção, houve perseguição ao veículo do suspeito.

De acordo com informações da DIG, em trabalho investigativo por Hortolândia, com o objetivo de desarticular atividades relacionadas ao tráfico naquela região e seguindo informações do delegado Felipe Rodrigues de Carvalho e do investigador chefe Eduardo César Ribeiro, os agentes faziam patrulhamento e pelo Jardim Nova Hortolândia, por volta de 15h, viram um suspeito de integrar a quadrilha da “Família Fala Fina” dirigindo um Hyundai HB20 de maneira imprudente.

📲 Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

Os policiais se aproximaram e o homem acelerou, fugindo por diversas ruas da cidade. Houve perseguição e momentos depois, o homem foi interceptado. Ele não possuía CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

Após a apreensão, os agentes também se dirigiram a casa do suspeito, onde conseguiram informações sobre o envolvimento dele com as relações de tráfico da “Família Fala Fina”.

Levado à sede de DIG, o homem foi autuado em flagrante por associação criminosa e delitos de trânsito. A irmã dele, de 27 anos, e a mãe também são investigadas suspeitas de integrarem a quadrilha.

As investigações continuam com o objetivo de identificar outras pessoas do grupo criminoso. Na semana passada, Fala Fina, dois irmãos, sua mãe e um braço direito no crime foram presos também pela DIG e um homem morreu após entrar em confronto com os policiais durante cumprimento de mandados judiciais, na mesma operação da delegacia especializada.

As notícias do LIBERAL sobre Americana e região no seu e-mail, de segunda a sexta

* indica obrigatório

Publicidade