24 de maio de 2024 Atualizado 17:28

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Solidariedade

Doações arrecadadas em Americana chegam às vítimas de enchentes no Rio Grande do Sul

Carregamento com 15 toneladas de diversos itens foi entregue em Parobé, município a 70 quilômetros de Porto Alegre

Por Redação

15 de maio de 2024, às 18h51

Doações arrecadadas em Americana para as vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul, por meio da campanha da Defesa Civil do município, com apoio do Tiro de Guerra, chegaram ao destino no Sul do País. O carregamento com 15 toneladas de diversos itens, que saiu da cidade na segunda-feira (13), foi entregue em Parobé, município que fica a 70 quilômetros de Porto Alegre.

Doações chegaram ao Rio Grande do Sul – Foto: Prefeitura de Americana / Divulgação

Foram doados alimentos, água, roupas, produtos de limpeza e de higiene pessoal, entre outros materiais de primeira necessidade, tanto para pessoas desabrigadas como para aqueles que atuam no suporte e socorro às vítimas.

📲 Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

Desde o início da campanha, já foram encaminhadas 26,5 toneladas de donativos. Segundo o coordenador da Defesa Civil de Americana, João Miletta, a ação prossegue no município. “Estamos empenhados na arrecadação das doações ao Rio Grande do Sul, com a participação de voluntários e da população. Mais um carreto deverá sair de Americana nos próximos dias”, disse Miletta.

Siga o LIBERAL no Instagram e fique por dentro do noticiário de Americana e região!

Além da quantidade de itens entregues na Defesa Civil, aproximadamente outras 4 toneladas de doações foram arrecadadas no Tiro de Guerra e encaminhadas à sede da Fidam (Feira Industrial de Americana), na Avenida Nossa Senhora de Fátima, para também serem destinadas ao Rio Grande do Sul. Mais 1 tonelada está preparada para também ser enviada.

Faça parte do Club Class, um clube de vantagens exclusivo para os assinantes. Confira nossos parceiros!

As doações podem ser levadas à sede da Defesa Civil (Avenida Bandeirantes, nº 2.250, ao lado do Corpo de Bombeiros), de segunda a sexta-feira, das 9h às 15h, e no Tiro de Guerra (Rua Florindo Cibin, nº 2.675, Vila Louricilda), das 8h às 11h30 e das 13h às 16h.

As notícias do LIBERAL sobre Americana e região no seu e-mail, de segunda a sexta

* indica obrigatório

Publicidade