Reforma da UBS do Ipiranga será feita por terceirizada

Posto de Saúde em Americana conta com uma rachadura que divide unidade ao meio; imóvel sofreu comprometimento estrutural


Foto: Marcelo Rocha / O Liberal_22.10.2019
Posto de Saúde em Americana conta com uma rachadura

A Secretaria de Saúde de Americana vai precisar contratar uma empresa terceirizada para realizar a reforma na UBS (Unidade Básica de Saúde) do Jardim Ipiranga, interditada desde outubro do ano passado. O prédio possui uma rachadura que atravessa toda a unidade e sofreu comprometimento estrutural.

Receba as notícias do LIBERAL pelo WhatsApp. Envie uma mensagem para ser adicionado na lista de transmissão!

A Secretaria de Saúde informou que estava aguardando os orçamentos para iniciar a reforma, porém, uma segunda avaliação feita pela Sosu (Secretaria de Obras e Serviços Urbanos) verificou que não será possível uma “simples reforma” e que a situação do prédio vai exigir uma obra de “maior impacto”.

Foto: Marcelo Rocha / O Liberal_22.10.2019
O prédio possui uma rachadura que atravessa toda a unidade e sofreu comprometimento estrutural

Em relação ao valor dos serviços, a Secretaria de Saúde informou que a Secretaria de Obras ainda está realizando o levantamento para o menor custo. “O tempo para reabertura da unidade também não tem previsão, pois irá depender do andamento dos serviços que ainda não foram contratados”, explicou a pasta.

A unidade foi interditada em outubro do ano passado, após a Secretaria de Obras alertar que a espessura da rachadura havia aumentado em relação à medição anterior. A medida foi adotada para preservar a integridade dos servidores públicos que trabalham na unidade e também dos usuários.

A rachadura surgiu em 2007, logo após a inauguração da ampliação da unidade. Ela fica exatamente na “emenda” entre a parte antiga e a nova. Diversas reformas foram realizadas desde então para minimizar o problema.

O posto registra atendimento mensal médio de 1,2 mil pacientes, que foram transferidos à UBS do Jardim São Paulo.

BOATO

A população da região teme que a unidade não seja reaberta, receio este que a prefeitura garante ser infundado. Nas últimas semanas, circulou o boato de que o prédio passaria a ser utilizado pela Polícia Militar. A prefeitura desmentiu a informação.

“Tanto o secretário de Saúde quanto o prefeito pretendem reabrir o quanto antes o atendimento médico daquela unidade”, finalizou a prefeitura.

Foto: Arquivo / O Liberal
UBS do Jardim Ipiranga precisará de obra mais complexa para ser reaberta

Além da Capa, o podcast do LIBERAL

A edição desta semana do podcast “Além da Capa” aborda a substituição da mão de obra de pessoas mais velhas por outras mais novas na RPT (Região do Polo Têxtil), em 2019. Ouça:

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora