Problema em ETA afeta abastecimento no Nova Carioba neste feriado

Equipe técnica da autarquia está trabalhando para solucionar a situação, mas ainda não há previsão de quando o serviço será normalizado


Um problema na ETA (Estação de Tratamento de Água) de Americana afetou o abastecimento de água na região do bairro Nova Carioba nesta terça-feira (09). A equipe técnica do DAE (Departamento de Água e Esgoto) está trabalhando para solucionar a situação, mas ainda não há previsão de quando o serviço será normalizado.

Foto: Susy Coutinho / Prefeitura de Americana
Abastecimento foi afetado após problema na Estação de Tratamento de Água nesta terça-feira

“Houve um problema na ETA que comprometeu o abastecimento do bairro e de alguns dos bairros do entorno. A expectativa é que o serviço termine ainda nesta terça-feira, mas ainda não há como estabelecer como previsão”, informou a prefeitura, sem especificar qual seria o problema na estação até a publicação desta matéria.

A dona de casa Simone da Silveira reclamou da situação. Segundo ela, as torneiras estão secas desde as primeiras horas da manhã e o DAE não informa quando o abastecimento será normalizado.

“Liguei três vezes no 0800 e não tive resposta. Acho isso um descaso. Quando acaba a luz, a gente liga na CPFL e na hora já fica sabendo quando volta. Com a água devia ser a mesma coisa”, afirmou a dona de casa.

Simone reside na Rua São Bartolomeu e disse que o problema não é só no local. “O bairro todo está sem água e bem no feriado. Se for para algum serviço, deveriam fazer isso quando está todo mundo trabalhando e não em um dia como hoje, quando o transtorno é maior”, diz.

Praia dos Namorados

O aposentado Marcos Aurélio Santarosa reside no bairro Praia dos Namorados e também reclama de problemas com o abastecimento de água. Segundo o morador, desde sexta-feira (05) a água vem faltando durante o dia. “Ela só vem à noite e no outro dia pela manhã já acabou novamente”.

De acordo com a prefeitura, “não houve reclamações naquela região por meio dos nossos canais ou relatos de desabastecimento”, mas o DAE tentará identificar a origem do problema.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora