Novo pronto-socorro do HM deve ser entregue em outubro

Engenheiro que assumiu obra no hospital americanense estima que 75% da construção já esteja concluída; prorrogação de convênio ocorreu no mês de julho


O novo pronto-socorro do Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi, em Americana, deve ser entregue pela Construtora Interiorana no dia 10 de outubro. O prazo foi informado pelo engenheiro responsável pela obra, Tiago Laurindo Luiz, ao LIBERAL.

O governo estadual assinou no dia 18 de julho a prorrogação do convênio que vai permitir a conclusão das obras, no valor de R$ 1,450 milhão. De acordo com Luiz, os trabalhos foram intensificados após o anúncio, mesmo sem a liberação do recurso às contas da prefeitura.

Foto: João Carlos Nascimento / O Liberal
Construção foi retomada pelo prefeito Omar Najar (MDB) após convênio firmado com o Estado em 2016

O engenheiro, que assumiu a obra há duas semanas, estima que 75% da construção tenha sido concluída. “Estamos finalizando as adequações nos sanitários, além disso todas as portas já foram colocadas e pintadas, o piso será instalado também. A gente está (trabalhando) mesmo independente do financeiro liberando. Estamos dando andamento na obra para finalizar o quanto antes. Até dia 10 de outubro essa obra será entregue no que depender de mim”, garantiu.

Em abril, havia quatro funcionários trabalhando na obra. Hoje, segundo o engenheiro, são sete pessoas atuando nos acabamentos e uma na limpeza.

A prefeitura informou que um técnico da Secretária de Saúde do Estado esteve na obra realizando vistoria na semana passada. A prefeitura aguarda a aprovação das medições enviadas para o Estado e a liberação do recurso.

Ainda não há uma data prevista, mas segundo a prefeitura o setor de convênios está em contato permanente com a DRS 7 (Departamento Regional de Saúde – Campinas), a fim de conseguir a liberação “o mais breve possível”. O Estado disse que a verba será liberada mediante a comprovação da medição da obra por parte do município.

A Diretoria do Hospital informou que está trabalhando para que a inauguração do pronto-socorro simultaneamente à entrega, “uma vez que praticamente todas as licitações para a compra dos materiais, mobiliários e equipamentos já foram realizadas ou estão em trâmite”.

Histórico

A construção do pronto-socorro foi retomada pelo prefeito Omar Najar (MDB) após convênio firmado com o governo estadual em 2016. O prazo de entrega era dezembro de 2018, mas a prefeitura projetou novo prazo para 10 de março.

O LIBERAL noticiou em março que o prazo havia vencido e não havia uma nova data para a entrega da obra. O Estado informou à época que não havia recebido nenhum pedido de renovação do convênio, que já havia vencido, mas a prefeitura apresentou documentos que comprovaram a solicitação.

No início de abril, o Estado divulgou que renovaria o convênio – o que só foi oficializado no dia 18 de julho. Chegou a ser levantado pelo município a necessidade de um aditamento no valor de R$ 100 mil para finalização de trabalhos na parte elétrica. Questionada esta semana, a prefeitura não respondeu.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora