26 de maio de 2024 Atualizado 20:10

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Americana

Novo cardápio para servidores incluirá alcatra, lasanha, feijoada e parmegiana

No edital, o Executivo já deixou detalhado tudo que a fornecedora precisará oferecer aos funcionários

Por Rodrigo Alonso

09 de julho de 2022, às 09h15 • Última atualização em 09 de julho de 2022, às 09h17

O cardápio oferecido aos servidores municipais de Americana, após a contratação da nova empresa que será responsável pelas refeições, deverá incluir alcatra, lasanha, feijoada e parmegiana, entre outros alimentos exigidos na licitação aberta pela prefeitura.

No edital, o Executivo já deixou detalhado tudo que a fornecedora precisará oferecer aos funcionários, com previsão de 25.688 refeições por mês.

📲 Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

Todos os dias, a refeição deverá ser composta por arroz, feijão, um prato principal, ovo, duas guarnições, duas opções de salada, suco e duas sobremesas.

O prato principal vai se revezar entre peixe, frango, carne suína – cada um em um dia da semana – e carne bovina – duas vezes por semana.

Três vezes por mês, a carne bovina deverá ser alcatra ou contrafilé. Nas outras, pode ser patinho, coxão mole, carne moída, lagarto e coxão duro. Há uma frequência determinada para cada corte.

Uma vez por mês, os trabalhadores também poderão comer feijoada, bife à parmegiana, strogonoff de carne e virado à paulista.

As quantidades por pessoa também estão determinadas no documento. No caso da carne bovina, por exemplo, cada servidor vai receber 160 gramas, além dos acompanhamentos.

Segundo a prefeitura, o cardápio “foi elaborado com base no que é praticado em outros municípios da região e também no refeitório do DAE (Departamento de Água e Esgoto), com objetivo de oferecer uma alimentação variada e balanceada, atendendo às necessidades calóricas dos servidores e com acompanhamento de nutricionistas da empresa e também da prefeitura”.

LOGÍSTICA. A empresa a ser contratada montará uma cozinha na garagem municipal, onde vai preparar os alimentos, que serão levados para refeitórios espalhados pelo município.

Haverá oito pontos de alimentação: na própria garagem, nas imediações do Paço Municipal, no Parque Ecológico, na Secretaria de Saúde e na antiga Regional Praia Azul e nas administrações regionais do Zanaga, São Vito e Parque Gramado.

A sessão de disputa de preços está marcada para o próximo dia 19. O contrato com a vencedora terá validade de 12 meses.

Atualmente, o serviço contempla apenas entrega de marmitex para os funcionários, que costumam reclamar da qualidade das refeições, situação reconhecida pelo prefeito Chico Sardelli (PV). O contrato atual é válido desde julho de 2017, já passou por cinco aditamentos e termina no próximo dia 30. 

Publicidade