29 de setembro de 2020 Atualizado 16:55

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Americana

Funcionário do CDP de Americana morre com suspeita da Covid-19

É o segundo servidor da unidade que morreu em menos de um mês; o nome do funcionário não foi confirmado pela SAP

Por George Aravanis

20 jul 2020 às 14:04 • Última atualização 20 jul 2020 às 15:27

Um funcionário do CDP (Centro de Detenção Provisória) de Americana morreu na madrugada desta segunda-feira (20) com suspeita do novo coronavírus (Covid-19). A informação é da SAP (Secretaria de Administração Penitenciária).

É o segundo funcionário da unidade morto em menos de um mês. No primeiro caso, do agente Vanderlei de Almeida, ficou comprovada a contaminação pelo vírus.

Funcionário chegou ao HM no sábado e faleceu na madrugada desta segunda-feira (20) – Foto: Marcelo Rocha / O Liberal

O nome do servidor não foi confirmado pela SAP. De acordo com a assessoria de imprensa da pasta, o servidor chegou ao Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi, em Americana, na tarde de sábado, com falta de ar, e foi isolado preventivamente por suspeita de Covid-19.

A SAP informou que a direção da unidade está em contato com a família para oferecer ajuda e obter mais informações, inclusive sobre resultado de exames que apontem se ele tinha ou não a doença.

Primeiro caso
No dia 22 de junho, o agente penitenciário Vanderlei de Almeida, de 55 anos, morreu no HM. Ele ficou internado por 15 dias no hospital.

Vanderlei era casado e tinha uma filha de 23 anos. Ele era fisiculturista, possuía uma academia junto com a esposa e morava no bairro Campo Verde, em Americana.

Publicidade