19 de maio de 2022 Atualizado 00:19

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

URGÊNCIA

Câmara aprova R$ 33,8 milhões para contratação de OS na Saúde

Organização social faria a gestão do Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi, da Unacon e da UPA Cillos

Por Rodrigo Alonso

13 Maio 2022, às 07h41

A Câmara de Americana aprovou nesta quinta-feira, em regime de urgência, a abertura de um crédito adicional de R$ 33,8 milhões que possibilitará a contratação de uma OS (Organização Social) na Saúde.

Houve 14 votos favoráveis e quatro contrários – Dr. Daniel (PDT), Gualter Amado (Republicanos), Professora Juliana (PT) e Vagner Malheiros (PSDB) votaram contra. A proposta, de autoria do governo Chico Sardelli (PV), ainda precisa passar por mais uma votação na próxima semana antes de ir para a sanção da prefeitura.

Sessão ordinária na Câmara de Americana – Foto: Marcelo Rocha / O Liberal

Caso a aprovação se mantenha, o valor entrará no orçamento deste ano. De acordo com o texto, o montante será coberto pela administração com recursos provenientes do superávit apurado em 2021.

A OS faria a gestão do Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi, da Unacon (Unidade de Alta Complexidade em Oncologia) e da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Cillos, que hoje está fechada – o secretário de Saúde, Danilo Carvalho Oliveira, prometeu abrir a unidade neste ano, com atendimento 24 horas por dia.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

Nesta sexta, o Conselho Municipal de Saúde dará um parecer sobre a contratação da OS. Os conselheiros vão tratar do assunto em reunião marcada para as 17 horas, no plenário da câmara.

Professora Juliana criticou o fato de a câmara votar o crédito antes do parecer do conselho. “Acredito que seria prudente, no mínimo mesmo, que a gente pudesse pelo menos respeitar. Não sei se ‘respeitar’ é a melhor palavra, mas levar mais a sério esse parecer”, comentou durante a discussão do projeto.

Publicidade