23 de abril de 2024 Atualizado 17:35

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

covid-19

Apeoesp faz ação para ajudar professores eventuais sem renda

Com as aulas suspensas em função da quarentena, não existe a necessidade de contratação dos professores eventuais, que ficam sem receber nada

Por Marina Zanaki

22 de abril de 2020, às 20h50 • Última atualização em 23 de abril de 2020, às 09h11

A Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo) de Americana arrecadou alimentos e produtos de limpeza para ajudar professores eventuais que estão sem renda em função da quarentena do novo coronavírus (Covid-19).

O sindicato abriu a possibilidade de adesão e na subsede de Americana serão ajudados 10 profissionais. Eles forneceram ao sindicato documentos como os dois últimos holerites, comprovante de filiação e de que não fazem parte de nenhum programa governamental.

Clique aqui e se inscreva no nosso canal do Telegram e receba as notícias no seu celular!

Foto: João Carlos Nascimento / O Liberal
Apeoesp de Americana vem arrecadando doações para professores eventuais

Segundo a Secretaria do Estado da Educação, os 190 mil professores contratados no Estado estão recebendo salário. Contudo, os professores eventuais são contratados mediante demanda após algum professor efetivo faltar e a aula ficar vaga. Com as aulas suspensas em função da quarentena, não existe essa necessidade de contratação.

De acordo com a presidente da subsede da entidade em Americana, Zenaide Honório, a Apeoesp ainda está aceitando doações. Por conta do coronavírus, a entidade está ficando fechada, mas deve abrir na próxima sexta-feira (24).

Quem quiser ajudar, pode levar doações entre 14h e 16h. A sede do sindicato fica na Rua Peru, 210, no Frezzarin, em Americana.

A campanha foi batizada de “Solidariedade nas Subsedes” e será realizada nas 94 subsedes da Apeosp. Na segunda-feira (20), o sindicado distribuiu 400 cestas básicas e 80 marmitex em Piracicaba (SP).

A subsede Americana informou que ainda não tinha calculado o volume de doações que já conseguiu arrecadar.
Além dos alimentos, a Apeoesp também está recebendo doações por meio de depósito bancário na sua conta Agência 0041/Conta 13-005573-9, no Banco Santander. Os recursos arrecadados serão utilizados na compra de mais alimentos para a categoria.

“Esse é o momento de sermos solidários. A doação pode ser de qualquer valor. O isolamento é necessário, mas, para que ele seja feito, as famílias precisam de comida”, defendeu a presidenta da Apeoesp, a deputada estadual Professora Bebel (PT).

PECULIAR
Subsecretário de Articulação Regional da Secretaria do Estado de Educação, Henrique Pimentel disse que a situação dos professores eventuais é “peculiar” e que a pasta tem olhado com cuidado para esses profissionais.

A Secretaria estuda contratação desses eventuais para desenvolvimento de atividades como tutores ou mediadores de aulas online durante a quarentena.

“Temos sim que ter um olhar cuidadoso para esses professores, mas temos que estar amparados pela legislação e possibilidades que Secretaria vai ter a partir da manifestação do jurídico. Com a queda na arrecadação também temos um cenário restritivo a novos contratos”, explicou Henrique.

Publicidade