18 de janeiro de 2021 Atualizado 22:42

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Plano SP

Americana e região voltam à fase amarela e aguardam reclassificação na quinta

Governo do Estado de São Paulo agendou para o dia 7 de janeiro uma nova reclassificação das regiões

Por Redação

04 jan 2021 às 08:04 • Última atualização 04 jan 2021 às 12:57

Depois de permanecer nos últimos três dias na fase vermelha, a mais restritiva do Plano São Paulo de combate ao coronavírus (Covid-19), Americana e região retornam nesta segunda-feira (4) à fase amarela.

A região deve permanecer nesta etapa até pelo menos quinta-feira (7), quando haverá uma nova reclassificação do Plano São Paulo.

O Governo de São Paulo fez um endurecimento pontual da quarentena contra a Covid-19 entre o período de Natal e do Ano-Novo por conta do aumento de mortes, casos e internações da doença. Entre os dias 25 a 27 de dezembro e 1º e a 3 de janeiro, o Estado ficou na fase vermelha do Plano São Paulo e apenas serviços essenciais puderam funcionar.

Com a volta à fase amarela nesta segunda, atividades não essenciais, como lojas, shoppings, bares, restaurantes, salões de beleza e academias, podem voltar a funcionar de acordo com os critérios sanitários da fase.

Veja como fica o funcionamento de atividades na fase amarela, segundo o Plano SP.

Shoppings centers

  • Ocupação máxima limitada a 40% da capacidade do local
  • Horário reduzido (10 horas)
  • Praças de alimentação (ao ar livre ou em áreas arejadas)
  • Adoção dos protocolos geral e setorial específico

Comércio

  • Ocupação máxima limitada a 40% da capacidade do local
  • Horário reduzido (10 horas)
  • Adoção dos protocolos geral e setorial específico

Serviços

  • Ocupação máxima limitada a 40% da capacidade do local
  • Horário reduzido (10 horas)
  • Adoção dos protocolos geral e setorial específico

Bares e restaurantes

  • Somente ao ar livre ou em áreas arejadas
  • Ocupação máxima limitada a 40% da capacidade do local
  • Horário reduzido (10 horas)
  • Consumo local até 17h
  • Consumo local até as 22h (se a região estiver a ao menos 14 dias seguidos na fase amarela)
  • Adoção dos protocolos padrões e setoriais específicos

Salões de beleza e barbearias

  • Ocupação máxima limitada a 40% da capacidade do local
  • Horário reduzido (10 horas)
  • Adoção dos protocolos geral e setorial específico

Academias

  • Ocupação máxima limitada a 30% da capacidade do local
  • Horário reduzido (10 horas)
  • Agendamento prévio com hora marcada
  • Permissão apenas de aulas e práticas individuais, mantendo-se as aulas e práticas em grupo suspensas
  • Adoção dos protocolos geral e setorial específico

Eventos e convenções

  • Permitido após a região ficar ao menos 28 dias consecutivos na fase amarela (apenas caso a região tenha avançado das fases laranja ou vermelha)
  • Ocupação máxima limitada a 40% da capacidade do local
  • Obrigação de controle de acesso, hora marcada e assentos marcados
  • Venda de ingressos de eventos culturais em bilheterias físicas ou digitais, desde que respeitados protocolos sanitários e de distanciamento
  • Assentos e filas respeitando distanciamento mínimo
  • Proibição de atividades com público em pé
  • Adoção dos protocolos geral e setorial específico

Publicidade