03 de dezembro de 2020 Atualizado 11:00

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Comunicação online

Tecnologias ajudam a humanizar as relações durante o isolamento social

Psicólogo aponta o uso das videoconferências como alternativas para diminuir a distância durante a pandemia

Por Isabella Holouka

01 ago 2020 às 09:24 • Última atualização 01 ago 2020 às 10:05

Em tempos de pandemia do novo coronavírus (Covid-19), em que o isolamento social é necessário para diminuir o contágio da doença, até mesmo quem fazia um uso mínimo da tecnologia passou a se conectar virtualmente com membros da família, amigos ou até mesmo parceiros de trabalho, tornando o home office possível.

Ao passo que as videoconferências, mensagens de texto e ligações se intensificaram, trouxeram um desafio: Como humanizar as relações à distância?

Poder visualizar a pessoa com quem está falando é uma das vantagens da videoconferência – Foto: Adobe Stock

A superficialidade nas relações digitais pode acontecer, segundo o psicólogo Bruno Rhein, especialmente na ausência de sensações, emoções e habilidades de comunicação – possíveis com a presença física.

“Tendemos a ter uma comunicação um pouco distante, restritiva. A dica é utilizar ao máximo a tecnologia. A videoconferência é diferente de uma ligação, o fato de você poder visualizar a pessoa enquanto ela está falando também te dá uma condição diferente”, comenta.

Ele aponta a compreensão como uma habilidade essencial para que os desafios não atrapalhem a comunicação, independentemente da natureza das relações.

“Neste momento os relacionamentos passam por um estágio de dificuldades, que exigem paciência. Há uma limitação dos dois lados e ter empatia é fundamental”, afirma.

“Eu acho que no fim dessa pandemia as pessoas vão dar mais importância a estar presente com as pessoas que amam”, complementa.

HOME OFFICE
Quem passou a trabalhar de casa também se viu diante da necessidade de se comunicar online com os parceiros de home office.

De acordo com Bruno, há pessoas que têm mais dificuldade em se comunicar pessoalmente e se beneficiaram com a mudança, com mais facilidade para organizar e expor as ideias no campo profissional.

Para quem acha que precisa melhorar a comunicação, o psicólogo é enfático com relação à importância da preparação prévia.

“Se você precisa se comunicar com alguém do trabalho, se prepare para essa conversa. Escreva ou grave o que você vai falar antes de enviar uma mensagem. Tenha muita calma ao escrever, leia e releia. Se não estiver seguro, faça uma ligação”, finaliza.

Publicidade