07 de julho de 2020 Atualizado 21:47

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Planos

Rio Branco analisa quatro nomes para treinar equipe

Marcos Campangnollo, João Batista, Paulinho McLaren e Max Sandro estão na pauta do clube americanense para assumir o comando neste ano

Por Rodrigo Alonso

14 jan 2020 às 09:53 • Última atualização 27 abr 2020 às 13:05

O Rio Branco já montou uma lista com possíveis treinadores para a temporada de 2020. Segundo o diretor de futebol Tiago Bernardi, ao menos quatro nomes são analisados pelo clube: Marcos Campangnollo, João Batista, Paulinho McLaren e Max Sandro.

Foto: João Carlos Nascimento / O LIBERAL_16.08.2019
Marcos Campangnollo treinou o Tigre em 2019, a partir da segunda fase do Campeonato Paulista Sub-23 Segunda Divisão

Marcos Campangnollo treinou o Tigre em 2019, a partir da segunda fase do Campeonato Paulista Sub-23 Segunda Divisão, a quarta divisão estadual. Com ele, o time avançou duas etapas e caiu nas quartas de final.

Receba as notícias do LIBERAL pelo WhatsApp. Clique aqui e envie uma mensagem para ser adicionado na lista de transmissão!

Depois da eliminação, Campangnollo afirmou ao LIBERAL que, se tivesse a oportunidade, “com certeza” aceitaria continuar no Rio Branco. João Batista é outro profissional com passagem pelo clube. Ele dirigiu o Tigre em 2014, quando chegou às quartas da Copa Paulista.

O técnico voltou à equipe para a Série A3 de 2017 e, no meio do torneio, foi dispensado por motivo de oscilação de resultados. No momento da demissão, o Rio Branco ocupava o sétimo lugar.

Em seu último trabalho, João Batista conseguiu levar o Flamengo de Guarulhos às semifinais do Paulista Sub-23 Segunda Divisão de 2019.

Também no ano passado, Paulinho McLaren conduziu o Taubaté às quartas de final da Série A2. O técnico pegou o time com a competição em andamento, após ter sido demitido pelo Barretos, que estava disputando a Série A3.

Em ação na Copa São Paulo de Futebol Júnior, Max Sandro comanda o elenco Sub-20 da Chapecoense, que está na terceira fase.

“Tem vários nomes que a gente vai estudar certinho nesta semana, para que possamos escolher um nome certinho, para que, se vier somar com a gente, a gente consiga o acesso”, aponta Bernardi.

De acordo com o dirigente, o Rio Branco espera definir, nesta semana, a data de apresentação do plantel. “A gente quer começar o quanto antes, mas os patrocinadores têm de topar também para começar o quanto antes a investir no Rio Branco”, diz. O Tigre deve estrear na Segunda Divisão em abril.

Mais esporte

Ouça o podcast “Além da Capa” desta semana, que aborda os atletas da Região do Polo Têxtil que podem estar nos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020:

{{1}}