23 de junho de 2024 Atualizado 08:57

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

ELEIÇÕES

TRE suspende divulgação de pesquisa eleitoral em Sumaré

Instituto responsável configura como contratante e contratado, segundo representação do União Brasil; empresa nega irregularidades

Por Cristiani Azanha

25 de maio de 2024, às 08h47

O TRE (Tribunal Regional Eleitoral) de São Paulo suspendeu, nesta quinta-feira (23), a divulgação do resultado de uma pesquisa com os candidatos a prefeito de Sumaré desenvolvida pelo Instituto Vox Brasil Opinião e Pesquisas Ltda. A denúncia partiu do presidente do União Brasil e vereador Lucas Agostinho. A empresa informou ao LIBERAL que vai apresentar a defesa e alega que não cometeu irregularidades.

📲 Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

Os advogados do União Brasil informaram que a empresa, que tem sede em Barretos, configura como contratante e contratada na Justiça Eleitoral.

“Não vamos tolerar esse tipo de pesquisa, sem critérios técnicos, que é publicada com o único intuito de confundir a cabeça do eleitor. Queremos saber quem está por trás desta empresa que veio de Barretos realizar esta pesquisa”, disse Agostinho.

Siga o LIBERAL no Instagram e fique por dentro do noticiário de Americana e região!

O instituto alegou que não há qualquer irregularidade em ser a sociedade empresarial responsável por contratar a pesquisa, pois está de acordo com a legislação.

“Inclusive, em acesso à base de dados do TSE, entre 1º de janeiro e 14 de abril de 2024, foram registradas 943 pesquisas de intenção de voto, sendo que 432 delas foram pagas com recursos próprios”, cita trecho da nota. “Não teve pedido de nenhum grupo ou partido político”, enfatiza a empresa que afirma que ainda não foi notificada pela representação.

Faça parte do Club Class, um clube de vantagens exclusivo para os assinantes. Confira nossos parceiros!

Publicidade