14 de junho de 2024 Atualizado 21:47

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

atos golpistas

PF prende homem em Sumaré por descumprir medidas após 8/1

Outros dois suspeitos de envolvimento foram detidos em Campinas; todos tiveram os mandados de prisões decretados pelo STF

Por Cristiani Azanha

07 de junho de 2024, às 08h18

Um morador de Sumaré investigado nos atos antidemocráticos de 8 de janeiro de 2023 foi preso durante a 27ª fase da Operação Lesa Pátria, deflagrada pela PF (Polícia Federal) nesta quinta-feira (8). Outros dois suspeitos de envolvimento foram detidos em Campinas. Todos tiveram os mandados de prisão decretados pelo STF (Supremo Tribunal Federal).

Eles não cumpriram medidas cautelares, como ficarem em casa à noite e nos finais de semana, mediante uso de tornozeleira eletrônica e se apresentarem à Justiça uma vez por semana. Os acusados também estão proibidos de se ausentar do País, usar as redes sociais e se comunicar com os demais envolvidos nos atos.

📲 Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

No entanto, 159 réus condenados ou investigados passaram a ser considerados foragidos, pois descumpriram medidas cautelares judiciais com o objetivo de se furtarem da aplicação da lei penal, e terão os nomes na lista da Interpol e e incluídos no Banco Nacional de Mandados de Prisão.

Durante a operação, os policiais cumpriram 208 medidas judiciais – como recolocação de tornozeleiras eletrônicas em 18 estados e no Distrito Federal, para a captura de investigados e condenados. Segundo a PF, 49 pessoas foram presas.

Siga o LIBERAL no Instagram e fique por dentro do noticiário de Americana e região!

A PF continua realizando diligências para localizar os foragidos, já que a Operação Lesa Pátria é permanente, com atualizações periódicas sobre o número de mandados cumpridos e pessoas capturadas.

Publicidade