28 de novembro de 2021 Atualizado 14:18

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Sumaré

Homem está foragido após estrangular a ex e jogar o corpo em área pública

Em áudio enviado para o irmão, ele teria explicado que o motivo do crime é o fato da vítima desejar romper o casamento

Por Maíra Torres

20 nov 2021 às 18:07

Cassia foi encontrada com sinais de estrangulamento, o que a levou a óbito - Foto: Reprodução - Facebook

Um homem está foragido por ser suspeito de matar a ex-companheira estrangulada na madrugada deste sábado (20), em Sumaré. Cassia Aparecida da Silva Galdino, de 34 anos, ainda teve o corpo abandonado em uma área pública de caminhada na Rua Zacarias Lima Viela, no Loteamento Jardim Denadai.

Seu corpo foi encontrado por moradores que caminhavam pela manhã na região e, diante da situação, chamaram o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e acionaram a PM (Polícia Militar).

Ao chegar no local, a Polícia Civil encontrou um homem alegando ser irmão do acusado, que apresentou um áudio onde o ex-marido de Cassia confessa a autoria do crime.

O entendimento é de que o suspeito teria entrado em contato com o irmão após assassinar a mulher. No áudio ele ainda teria explicado que o motivo do crime é o fato da vítima desejar romper o casamento, o que não era aceito pelo ex-marido. Segundo o LIBERAL apurou, Cassia foi encontrada com sinais de estrangulamento, o que a levou a óbito.

A Polícia Civil continua realizando diligências para investigar o caso e agora busca por imagens de câmeras de segurança que possam ajudar a flagrar o ocorrido. O boletim de ocorrência foi registrado como feminicídio no plantão policial de Sumaré e será encaminhado encaminhado ao 5º Distrito Policial da cidade, responsável pelo prosseguimento da investigação.

Até às 17h30 a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP) não tinha atualizações do crime.

Publicidade