03 de março de 2024 Atualizado 11:59

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Civil

Curso de delegados ‘força’ reestruturação em delegacias

Quatro agentes da Seccional de Americana não podem atuar até dezembro, já que estão em capacitação para subirem de classe na carreira

Por André Rossi

11 de junho de 2019, às 08h48

A participação de quatro delegados de Americana e Nova Odessa em um curso para subirem de classe na carreira, que começou em 15 de abril e vai até dezembro, forçou uma reestruturação na Delegacia Seccional de Americana. Os agentes não podem atuar durante o período, já que precisam estar em São Paulo para a capacitação.

A principal consequência é que todos os flagrantes ocorridos em Nova Odessa durante à noite, finais de semana e feriados passaram a ser registrados na CPJ (Central de Polícia Judiciária) de Americana, e não mais na própria cidade. A informação foi confirmada pela SSP (Secretaria de Segurança Pública).

Os quatro delegados são de 1ª classe, que é o terceiro nível hierárquico dentro da função. Após o curso, eles serão promovidos para a classe especial, última etapa antes da quinta categoria, que é de delegado geral de polícia. Há evolução na remuneração.

Três delegados atuavam em Americana: Antonio Donizete Braga, Claudinei Albino e Sandra Aparecida Santarosa. Já em Nova Odessa, o delegado titular Claudio Eduardo Nogueira Navarro teve que se afastar do posto.

Com o remanejamento, o delegado Robson Gonçalves Oliveira, que atuava na CPJ, foi transferido para Nova Odessa. O LIBERAL entrou em contato com ele, que preferiu não comentar o caso.

A delegada seccional de Americana, Martha Rocha, afirmou que a readequação ocorreu para agilizar o atendimento aos flagrantes. “Um dos motivos realmente é a ida de quatro delegados para o curso superior de polícia”, disse.

A assessoria da SSP confirmou o remanejamento e a presença dos delegados no curso, mas reforçou que a decisão não está atrelada só a esse fator.

“A Central de Flagrantes de Americana, dentro da CPJ, foi inaugurada em 2014 para agilizar o processo de registro das ocorrências e o retorno dos policiais ao patrulhamento. Desde o último dia 15 de abril, ela está concentrando os registros de flagrante de Nova Odessa realizados à noite, finais de semana e feriados. A delegacia de Nova Odessa segue operando normalmente”, traz a nota.

Publicidade