07 de maio de 2021 Atualizado 07:45

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

COVID-19

Prefeito de Campinas solicita doses de vacina da Pfizer para a cidade

O desembarque e a entrega do primeiro lote de doses envolveu 120 profissionais e forte esquema de segurança

Por Milton Paes

30 abr 2021 às 08:53

Com atraso de 20 minutos, a aeronave carregada com 1 milhão de doses da vacina da Pfizer/BioNTech compradas pelo Brasil pousou no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, às 19h20 desta quinta-feira (29).

O voo saiu da Bélgica, fez escala em Miami, nos Estados Unidos, e seguiu para Viracopos. Essas primeiras doses foram produzidas na fábrica da Pfizer em Puurs, na Bélgica.

O desembarque e a entrega do primeiro lote de um contrato para 100 milhões de doses feito pelo governo federal envolveu 120 profissionais e forte esquema de segurança da Polícia Federal.

Prefeito Dário Saadi e ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, em entrevista após a chegada da remessa de vacinas a Viracopos – Foto: Manoel de Brito / Prefeitura de Campinas

O prefeito de Campinas, Dário Saadi (Republicanos), aproveitou a ocasião para se reunir com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e solicitar que, nas próximas remessas desta vacina, Campinas seja incluída na distribuição, já que a cidade tem condições técnicas de armazenar a vacina em freezers e geladeiras especiais. “Nós fizemos a solicitação e o ministro confirmou que Campinas estará incluída nas próximas distribuições”, afirmou o prefeito.

Dário Saadi, em seu discurso, destacou a satisfação em receber os imunizantes através de Viracopos. “A cidade de Campinas está honrada em receber essa primeira remessa, de muitas, para colaborar com a vacinação contra a Covid-19 no Brasil”.

Registro

A vacina da Pfizer possui registro para uso definitivo concedido pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). O imunizante pode ser aplicado em pessoas a partir de 16 anos, em duas doses, com intervalo de 21 dias entre elas.

O Ministério da Saúde informou que irá distribuir a vacina entre as 27 capitais do país de maneira proporcional e igualitária entre esta sexta-feira (30) e sábado (1º).

Os frascos serão entregues em temperaturas entre -25ºC e -15ºC. A conservação, nessa faixa de temperatura, pode ser feita apenas durante 14 dias. Se mantidas em temperaturas de armazenamento entre 2ºC e 8ºC, o prazo para aplicação das doses diminuiu para cinco dias.

Publicidade