27 de novembro de 2021 Atualizado 20:40

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Americana

Adolescente suspeito de furto morre baleado ao tentar fugir da PM

Ele e outros dois suspeitos estavam dentro do veículo, incluindo um outro adolescente de 17 anos

Por Maria Eduarda Gazzetta

21 out 2021 às 11:18 • Última atualização 21 out 2021 às 20:15

Um adolescente de 17 anos, suspeito de participar do furto de um carro na última segunda-feira (18), morreu ao ser baleado, na madrugada desta quinta-feira (21), no Jardim Lizandra, em Americana. A vítima e os outros dois suspeitos, sendo mais um adolescente de 17 anos e um jovem de 18, tentavam fugir de perseguição da PM (Polícia Militar).

De acordo com informações do boletim de ocorrência, a equipe estava em patrulha no cruzamento das ruas Lírio Correa e Carioba, quando viu um carro modelo Volkswagen Gol com três pessoas dentro. Ao pesquisarem no sistema, os policiais constataram que o veículo havia sido furtado na segunda.

Suspeitos estavam em um Gol furtado e tentaram fugir da abordagem da PM – Foto: Polícia Militar / Divulgação

Com a confirmação da suspeita, os militares deram ordem de parada, que não foi atendida pelo trio. Começou, então, a perseguição por várias ruas da cidade, quando a equipe solicitou reforço de outras três viaturas. O veículo com os ocupantes trafegavam em alta velocidade e em zigue-zague.

Na perseguição, o carro se lançou contra as viaturas, segundo a PM. Foram feitos disparos em três momentos diferentes, sendo um tiro na Avenida Europa e outros três na Rua Noruega. Já nas proximidades da Rua Espanha, no Jardim Paulistano, outro disparo foi realizado.

Após cerca de 15 minutos, a perseguição teve fim na Rua Zaira Nardini Minozi, no Jardim Lizandra, em um trecho sem saída. Segundo a polícia, o adolescente que dirigia o carro tentou fugir por uma área de mata, perto da linha férrea, mas foi detido.

O passageiro de 18 anos também foi detido. O terceiro suspeito, o outro adolescente, estava no banco de trás e foi removido pelos policiais, que notaram que ele estava com um tiro nas costas e sangrando.

Desta forma, a equipe de resgate foi acionada e o adolescente foi encaminhado ao pronto-socorro do Hospital Municipal “Dr. Waldemar Tebaldi”, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu.

Ainda dentro do veículo, os policiais encontraram no assoalho do banco de trás um revólver de brinquedo. A proprietária do carro, uma escrevente de 53 anos, moradora da Vila Dainese, foi acionada, mas o automóvel foi apreendido pelas autoridades. O LIBERAL apurou que o adolescente e o outro jovem permaneceram detidos.

A Polícia Civil e a SSP (Secretaria de Segurança Pública) foram questionadas sobre a identidade da vítimas, mas não divulgaram estas informações.

Publicidade