22 de outubro de 2020 Atualizado 08:56

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Perigo

Queda de galhos na Rua Minas Gerais, em Americana, gera reclamações

Há relatos de dois carros danificados por esse motivo; empresária protocolou pedido de poda na prefeitura em 15 de maio

Por Rodrigo Alonso

08 jun 2020 às 21:09 • Última atualização 08 jun 2020 às 21:47

Moradores reclamam de queda de galhos na Rua Minas Gerais, no bairro Chácara Machadinho 2, em Americana. Na última sexta-feira (5), um carro foi danificado por esse motivo. O mesmo problema já tinha acontecido há cerca de um mês, conforme relatou um morador.

Veículo foi atingido na última sexta-feira – Foto: Divulgação

A empresária Juliane Ariele Pamphilo, de 35 anos, protocolou um pedido de poda na prefeitura em 15 de maio. Segundo ela, as árvores, presentes nos dois lados da via, oferecem risco de acidentes e atrapalham a visibilidade de quem passa pelo local.

“Tem de estar desviando dos carros. E é uma rua movimentada. Então, está perigoso. Pode causar um acidente, os galhos caírem”, diz.

Ela administra uma agência de comunicação e marketing nessa rua. O veículo atingido na sexta pertence a uma funcionária dela, a assistente de marketing Emily Penteado, de 23 anos.

“Estacionei aqui na frente da agência”, conta a dona do automóvel. Na ocasião, o galho atravessou o para-brisa. Emily registrou um boletim de ocorrência sobre o caso.

Galhos ficam caídos na calçada da via – Foto: Marcelo Rocha / O Liberal

Aproximadamente um mês atrás, um galho havia acertado o carro de uma mulher que estava de passagem pela via, de acordo com o médico Ide Chames, que reside na Minas Gerais. “O galho caiu em cima do carro dela e quebrou o para-brisa”, afirma.

Ele destaca que a prefeitura precisa, urgentemente, podar as árvores. “Vão acontecer mais acidentes. Se estiver uma pessoa passando e cai um galho desse, ela morre. Tem de vir logo. Tem uma urgência isso”, reclama.

Em nota, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente comunicou que o serviço de poda solicitado “está dentro do prazo para cumprimento pela UPJ (Unidade de Praças e Jardins)”.

Podcast Além da Capa
A relação de Americana com Santo Antonio, o padroeiro da cidade, completa 120 anos em 2020, mas a festividade em torno da data foi forçada a ser revista por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Desde o início da quarentena, em março, as missas realizadas na Basílica não contam com a presença de fieis mas o contato é mantido por transmissões pelo Facebook. Nesse episódio, o editor Bruno Moreira conversa com o administrador paroquial da basílica, o padre Valdinei Antonio da Silva. A necessidade do cancelamento de outros eventos da comunidade católica, como as festas de São João de Carioba e do Senhor Bom Jesus, também é abordada com os padres Marcos Ramalho e Marcelo Fagundes.

Publicidade