20 de setembro de 2020 Atualizado 20:44

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

COVID-19

Conselho do Idoso de Americana cria plano de supervisão de casas de repouso

Objetivo é acompanhar quais ações estão sendo tomadas por conta da pandemia do novo coronavírus

Por André Rossi

09 Maio 2020 às 08:43

O Comid (Conselho Municipal dos Direitos do Idoso) de Americana criou um plano de acompanhamento aos abrigos por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Nenhuma instituição da cidade teve casos confirmados da doença até o momento, mas os registros nas vizinhas Hortolândia e Piracicaba serviram de alerta.

A resolução que institui o plano seria publicada no Diário Oficial do município neste sábado (9). Segundo a prefeitura, o trabalho será acompanhado por meio de formulário eletrônico, que deverá ser preenchido semanalmente com informações sobre os procedimentos realizados pelos abrigos e o estado de saúde dos idosos.

Os dados serão avaliados pela Vigilância Epidemiológica e, se necessário, pelo Ministério Público, para verificar se os procedimentos atendem as medidas de prevenção. Conforme publicado pelo LIBERAL no dia 3 de maio, o promotor responsável por acompanhar os abrigos de Americana, Jorge Umberto Aprile Leme, disse que situação na cidade “está sob controle”.

De acordo presidente do Comid, Miriam Spodris, o conselho teve de suspender a fiscalização presencial por conta dos riscos de contaminação. O acompanhamento in loco que era realizado pelo promotor também foi interrompido pelo mesmo motivo.

“O controle por meio de formulário é uma maneira de sabermos como cada instituição se organizou para garantir o melhor atendimento. Todas as instituições que cuidam dos idosos devem seguir as normas de saúde, mas com o avanço da pandemia a ação de controle deve ser intensificada para que haja uma ação mais efetiva se houver suspeita de contágio, evitando que mais idosos se contaminem”, afirmou Miriam.

Publicidade