28 de setembro de 2021 Atualizado 21:52

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Política

Reunião de Bolsonaro com deputada da extrema-direita alemã é criticada pela Conib

Por Agência Estado

26 jul 2021 às 16:46 • Última atualização 26 jul 2021 às 17:56

A Confederação Israelita do Brasil (Conib) disse lamentar a recepção dada pelo presidente Jair Bolsonaro a representante do partido alemão Alternativa para a Alemanha (AfD), nesta manhã (26) em Brasília. Pelo Instagram, Bolsonaro aparece em foto sorrindo e abraçado com a deputada Beatrix von Storch e o marido no Palácio do Planalto. O encontro não estava previsto na agenda oficial.

Segundo a Conib, trata-se de partido extremista, xenófobo, cujos líderes minimizam as atrocidades nazistas e o Holocausto. “O Brasil é um país diverso, pluralista, que tem tradição de acolhimento a imigrantes. A Conib defende e busca representar a tolerância, a diversidade e a pluralidade que definem a nossa comunidade, valores estranhos a esse partido xenófobo e extremista”, completa o texto.

Na Alemanha, Beatrix – neta de Lutz Graf Schwer, ministro das Finanças de Hitler – é investigada pelo serviço de inteligência, acusada de propagar ideias neonazistas, xenofóbicas e extremistas. Na foto publicada nas redes sociais, a deputada escreveu: “Gostaria de agradecer ao presidente brasileiro a amistosa recepção e estou impressionada com sua clara compreensão dos problemas da Europa e dos desafios políticos de nosso tempo”. De passagem pelo Brasil, Beatrix também se reuniu com outros deputados bolsonaristas como Bia Kicis (PSL-DF) e Eduardo Bolsonaro (PSL-SP).

Publicidade