09 de julho de 2020 Atualizado 22:36

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Brasil

Crivella comemora queda no número de internados por coronavírus em hospitais

Por Agência Estado

04 abr 2020 às 21:27 • Última atualização 04 abr 2020 às 21:42

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella (PRB), comemorou em transmissão ao vivo em redes sociais neste sábado, 4, que o número de pacientes internados na capital por coronavírus caiu de 72 para 61 pessoas entre a sexta-feira e o dia seguinte. Apesar disso, ele pediu à população que permaneça em casa para combater a doença.

“Isso significa que nós precisamos manter o distanciamento social. Fica em casa porque estamos nesse momento fazendo caça ao vírus na cidade”, afirmou Crivella, acrescentando que o único problema a ser combatido são os ônibus cheios.

O município do Rio tem 982 casos confirmados de covid-19, mais 115 em relação à véspera, e 61 pacientes internados em hospitais municipais destinados à doença. A Prefeitura informou ter mil vagas em hotéis para idosos que desejem ficar em isolamento.

De acordo com a superintendente de Vigilância em Saúde, Patrícia Guttmann, o Rio está recebendo mais vacinas do Ministério da Saúde e a campanha de vacinação contra a gripe será retomada na terça-feira em 232 postos de saúde e nos postos do Detran. Mais de 72% dos maiores de 60 anos da cidade já foram vacinados, informou.

Neste sábado a Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos começou a distribuir cestas básicas para taxistas auxiliares com mais de 60 anos. Nesse primeiro dia, 206 profissionais, com nomes iniciados pelas letras A, B e C, receberam a cesta com alimentos. No domingo, não haverá distribuição, mas a ação será retomada na segunda-feira.

A retirada das cestas está sendo feita no Riocentro, de 9 horas às 16 horas. Os motoristas estão sendo comunicados pelo aplicativo Taxi.Rio. Para receber a cesta, o taxista tem que apresentar o Cartão de Identificação de Auxiliar de Transporte (Ciat), além de documento oficial com foto.