Pianista Miguel Proença é exonerado da presidência da Funarte


O governo federal exonerou o pianista Miguel Angelo Oronoz Proença do cargo de presidente da Fundação Nacional de Artes (Funarte), vinculada ao Ministério da Cidadania, comandado por Osmar Terra. A exoneração está publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira, 4.

Doutor em Música e pianista de renome internacional, Miguel Proença estava desde fevereiro deste ano na presidência da Funarte, que é responsável pelo desenvolvimento de políticas públicas de fomento a artes visuais, música, circo, dança e teatro. A publicação não traz o substituto de Proença.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora