25 de maio de 2022 Atualizado 01:01

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Mundo

Parlamento Europeu busca regular serviços digitais; países da UE vão debater

Por Agência Estado

20 Janeiro 2022, às 17h39 • Última atualização 20 Janeiro 2022, às 17h50

O Parlamento Europeu aprovou, por 530 votos a 78, com 80 abstenções, um conjunto de medidas para combater conteúdo ilegal, garantir que plataformas sejam responsáveis por seus algoritmos e melhorar a moderação de conteúdo, em uma legislação sobre conteúdos digitais. Em comunicado, o órgão diz que agora serão abertas negociações sobre o tema com os países integrantes da União Europeia.

Os legisladores desejam que sejam definidos de modo claro procedimentos sobre a remoção de conteúdo inadequado online. Também querem que seja proibido usar dados de menores de idade para anúncios publicitários direcionados.

O Parlamento Europeu diz ainda que, com as medidas, será possível remover conteúdo ilegal e evitar a disseminação de informações falsas.

Segundo a lei aprovada, as companhias do setor seriam obrigadas a fazer avaliações de risco e a ter mais transparência em algoritmos, a fim de combater conteúdo prejudicial e desinformação.

Publicidade