27 de Maio de 2020 Atualizado 15:43

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Cotidiano

Contra coronavírus, Búzios inicia toque de recolher noturno

Por Agência Estado

12 Maio 2020 às 16:16 • Última atualização 12 Maio 2020 às 16:33

A Prefeitura de Armação de Búzios, município turístico famoso na Região dos Lagos fluminense, decretou uma espécie de toque de recolher noturno como forma de combater a disseminação do coronavírus. Desde a segunda-feira, 11, está proibida a circulação de pessoas por ruas, praias, praças e qualquer local público, das 23 horas às 6 horas.

Também está vetada, nesse intervalo, a entrada ou saída de pessoas da cidade por via terrestre ou marítima.

As regras valem enquanto vigorar o estado de calamidade pública no município, em função do combate à covid-19.

Quem desrespeitar as proibições poderá ser multado e responder criminalmente pelo ato, mas essas punições dependem de uma lei ainda não existente.

Até o dia 11 de maio Búzios registrava 22 casos da doença, sem nenhuma morte.

As proibições foram estipuladas por meio do decreto 1.405, que também determina os casos em que elas não se aplicam.

As pessoas podem circular nesse horário se for por exigência do trabalho, para ir a serviços de saúde ou farmácia, para comprar medicamentos ou outros produtos essenciais à subsistência ou em qualquer situação em que fique comprovada a urgência. A proibição também não se aplica a pessoas em situação de rua.

A entrada ou saída de pessoas da cidade de Búzios, por sua vez, será autorizada das 23 horas às 6 horas se a pessoa for desempenhar atividade ou serviço essencial ou para tratamento de saúde, devidamente comprovados.