Conhecendo a Índia sobre trilhos

Viajar de trem de Délhi a Mumbai, a bordo do luxuoso trem Deccan Odissey, é uma grande aventura para turistas do mundo todo


A malha ferroviária indiana é uma das maiores do mundo, construída pelos britânicos durante a colonização. O trem é um meio de transporte muito comum no país – e, assim como o sistema de castas, é dividido em classes, da primeira à terceira.

O trem de luxo Deccan Odissey faz seis rotas pelo país, com duração de uma semana e passa pelo famoso circuito turístico conhecido como Triângulo Dourado, com Délhi, Agra e Jaipur nas pontas. Enquanto aprecia-se um delicioso vinho no conforto da suíte, vê-se pela janela as mulheres que buscam água nas estações, crianças e animais passando com cargas, muita sujeira. Um cenário que transforma o trem de luxo em uma verdadeira bolha.

Foto: Divulgação
Deccan Odissey

Inspirado nas viagens dos aristocratas britânicos, o Deccan Odissey é um hotel cinco estrelas sobre trilhos. O trem tem spa, com uma massagista tailandesa à disposição dos hóspedes, mediante pagamento à parte. O trem tem também uma pequena academia, com esteira, bicicleta e pesos.
As refeições são feitas em dois restaurantes a bordo, um de comida tradicional indiana e outro de culinária continental. Ambos deliciosos.

A cada parada para um passeio, os turistas são recebidos com um colar de flores tradicionalmente feito pelas mulheres indianas como oferenda aos deuses. Também pintam o bindi – o famoso terceiro olho – em cada um dos turistas e apresentavam danças regionais. Depois, era só entrar no ônibus, onde havia água filtrada e petiscos. No caminho, um guia explicava a atração e contava curiosidades. Ingressos e refeições fora do trem eram parte do pacote.

Foto: Pixabay
Taj Mahal é um dos pontos turísticos mais belos da Índia

A Índia não é fácil para estrangeiros. Falta saneamento e infraestrutura. Sobram cultura, tradição, fé. Um lugar intrigante, que convida à reflexão e a enxergar para além do caos, com a alma, sem julgamentos.

ANTES DE IR

-Aéreo: Emirates (desde R$ 4.253; emirates.com/br), Ethiopian (R$ 4.450; ethiopianairlines.com) e Turkish (R$ 6.496; turkishairlines.com) voam SP-Délhi-SP, com uma parada.

-Pacote: desde US$ 6.100 para uma pessoa, ou US$ 8.750, para duas; 7 noites, com refeições e passeios: deccanodysseytrains com ou bit.ly/coxkingss.

Foto: Pixabay
Elefante é um dos símbolos da Índia

CURIOSIDADES

Contra atentados: para entrar em restaurante, hotel ou atração, todos passam por detector de metal e scanner de bolsa

Várias religiões: hinduísmo é a fé de mais de 80% da população, seguido de islamismo, cristianismo e sikhismo

Um sinal: bandeiras sinalizam se os templos estão ativos ou não. Se não há uma, não se trata de um local sagrado

Está no nome: cidades terminadas em “pur” foram fundadas por hindus. A terminação “abad” indica origem muçulmana

Cuidado e respeito: só beba água filtrada e, se possível, lacrada. Leve um lenço para cobrir os braços dentro dos templos

A Índia é o país com a segunda maior população do mundo, atrás da China: mais de um bilhão de habitantes. Sozinho, o Estado de Uttar Pradesh, quinto mais populoso do planeta, tem o mesmo número de habitantes do Brasil.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora