26 de maio de 2024 Atualizado 17:59

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

West Ham prepara oferta por Wesley, do Corinthians; veja quanto pode render ao clube

Por Agência Estado

23 de abril de 2024, às 16h36

O West Ham prepara uma oferta para a contratação de Wesley, do Corinthians. O atacante de 19 anos é observado pelo clube inglês. A informação foi veiculada pelo jornal britânico The Daily Mirror. O valor da porcentagem pertencente ao clube pode chegar a R$ 57,7 milhões.

O contrato de Wesley com o Corinthians foi renovado em agosto de 2023, com validade até 31 de agosto de 2027. A multa rescisória para tirá-lo da equipe é de 100 milhões de euros (cerca de R$ 551 milhões). O presidente do clube, Augusto Melo, já afirmou ter recusado uma oferta de 8 milhões de euros (R$ 44,1 milhões) pelo jogador.

O Corinthians detém 70% dos direitos econômicos de Wesley. Os outros 30% são do próprio estafe do atleta. A oferta do West Ham seria de 15 milhões de euros (R$ 82,6 milhões) por 80% dos direitos. O diretor esportivo do West Ham, Tim Steidten, esteve na Neo Química Arena na estreia do Corinthians no Campeonato Brasileiro, quando o time empatou com o Atlético-MG por 0 a 0.

Além da proposta citada por Augusto Melo, o Betis, da Espanha, também procurou o Corinthians por Wesley, em fevereiro, mas sem avanços na negociação. Ao todo, o camisa 36 tem 57 partidas com a camisa corintiana e fez quatro gols. Somente em 2024, foram 19 aparições, com mais destaque e, por vezes, até no time titular.

Outra joia criada no Corinthians é o zagueiro Murillo, atualmente no Nottingham Forest. Detentor de 10% dos direitos do brasileiro, o Corinthians tem ainda outros 5% do valor de uma eventual venda do brasileiro, já que é o clube formador do zagueiro do clube inglês. Segundo o jornal britânico Daily Mail, quatro clubes do Campeonato Inglês o monitoram, além de Barcelona, Real Madrid e Paris Saint-Germain.

A imprensa britânica atribui ao zagueiro de 21 anos o valor de mercado de 50 milhões de libras (R$ 322,44 milhões). Caso seja vendido por essa quantia, o Corinthians tem direito a R$ 32,24 milhões pela porcentagem que manteve do atleta ao vendê-lo na metade do ano passado. Somados os 5% do chamado mecanismo de solidariedade – o zagueiro foi formado na base e se profissionalizou no clube -, o repasse total à equipe paulista chegaria a R$ 48,36 milhões.

Publicidade