07 de maio de 2021 Atualizado 11:15

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

Medina, Italo e outros 5 brasileiros avançam na Austrália; Tati vai às oitavas

Por Agência Estado

02 Maio 2021 às 09:19 • Última atualização 02 Maio 2021 às 14:26

Foi aberta nesta madrugada a disputa da etapa de Margaret River, no oeste da Austrália, a quarta do Circuito Mundial de Surfe. No feminino, Tatiana Weston-Webb, que tenta manter a boa fase após ser vice em Narrabeen, venceu a primeira bateria do dia e assegurou vaga nas oitavas da competição. No masculino, Gabriel Medina, Italo Ferreira, Filipe Toledo, Peterson Crisanto, Jadson Andre, Miguel Pupo e Adriano de Souza avançaram à próxima fase.

O único brasileiro a ir à repescagem foi Alex Ribeiro (6,00), que perdeu bateria inicial para o japonês Kanoa Igarashi e o havaiano Seth Moniz. Os outros sete representantes do País que já entraram na água se classificaram à segunda fase.

Filipe Toledo venceu a bateria (11,50) com Peterson em segundo (10,10), assim o australiano Connor OLeary acabou indo para repescagem. Depois, foi a vez de Jadson André terminar em segundo ao conseguir (7,83) e também avançar – o sul-africano Jordy Smith passou em primeiro.

Na sequência Italo Ferreira caiu na água. O potiguar fez uma boa primeira onda e acabou avançando em segundo, com 13,76 na bateria em que o australiano Jacob Willcox terminou em primeiro.

A sexta bateria contou com dois brasileiros na água: Gabriel Medina, líder do ranking, e Adriano de Souza, que avançaram em primeiro e segundo, respectivamente, ao conseguirem 13,93 e 10,07. Com isso, o australiano Cyrus Cox foi para a repescagem.

Miguel Pupo disputou a décima bateria contra o português Frederico Morais e o australiano Julian Wilson. O surfista brasileiro fechou em segundo, com 11,60, atrás do competidor da Austrália. Dessa maneira, o surfista de Portugal terá de disputar a repescagem. Os brasileiros Deivid Silva, Yago Dora e Caio Ibelli ainda competem neste domingo em busca de um lugar entre os 32 melhores.

Vale ressaltar que John John Florence, principal rival de Medina e Italo na briga pelo topo do ranking e bicampeão em Margaret River, também garantiu vaga entre os 32 melhores. O havaiano tirou o primeiro 10 do campeonato, com um tubo no ‘Main Break’ e fechou a participação no round 1 com 17,50 no somatório.

No feminino, Macy Callaghan abriu a contagem com uma boa nota: 6,17. Tati conseguiu pegar sua primeira onda com quase 15 minutos de bateria. A brasileira pegou uma ondulação bem pesada, com duas rasgadas, e não foi muito bem, sem conseguir completar a terceira, marcando 3,77.

Mas ela reagiu e logo assumiu a dianteira depois de acertar duas manobras em sua segunda onda e arrancar 7.67 dos juízes. Com tranquilidade, se garantiu nas oitavas da competição.

Publicidade