23 de janeiro de 2021 Atualizado 10:48

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Atacante

Junior Barranquilla acerta com Palmeiras novo empréstimo de Borja

Jogador fica no clube colombiano até 30 de junho, mas cláusula garante liberação em caso de venda

Por Agência Estado

03 jan 2021 às 12:39 • Última atualização 03 jan 2021 às 17:11

O atacante Miguel Borja seguirá jogando no Junior Barranquilla, da Colômbia, no primeiro semestre deste ano. O clube colombiano anunciou neste domingo, em seu site oficial e nas redes sociais, a permanência do jogador no elenco até o dia 30 de junho depois de um acordo com o Palmeiras, detentor dos direitos econômicos.

No clube de Barranquilla desde o início do ano passado, Borja foi emprestado mais uma vez pelo Palmeiras com uma cláusula no contrato que o libera em caso de uma oferta para venda. A equipe colombiana vai pagar os salários do jogador integralmente e terá o direito de cobrir antes os valores para aquisição definitiva.

A negociação estava sendo feita entre os presidentes dos dois clubes – Mauricio Galiotte, do Palmeiras, e Fuad Char, do Junior Barranquilla – e intermediada por Juan Pablo Pachon, empresário do atleta.

O clube de Barranquilla postou em suas redes sociais um vídeo e uma foto anunciado o acerto para a renovação com o jogador. O próprio Borja também divulgou a novidade. Após o fim do primeiro empréstimo, cogitou-se a possibilidade de o atacante retornar ao Palmeiras, sobretudo por uma parte da torcida. Porém, a ideia do clube sempre foi conseguir uma nova negociação.

Com 20 gols em 36 partidas na primeira temporada pelo Junior Barranquilla, Borja e seu estafe sempre trabalharam pela permanência no clube, do qual o jogador é torcedor de infância. “O goleador fica em casa! Miguel Ángel Borja Hernández seguirá sendo ‘Tiburón’ (apelido do time). O atacante está preparado para viver as alegrias con esta preciosa camisa. ¡VAMOS JUNTOS PAPÁ!”, escreveu o clube colombiano no Twitter.

Contratado pelo Palmeiras junto ao Atlético Nacional, também da Colômbia, em 2017, por R$ 33 milhões, Borja atuou no time brasileiro em 112 partidas, balançando as redes 36 vezes.

Publicidade