Zenit oficializa contratação de Malcom junto ao Barcelona por R$ 172 milhões


O atacante Malcom é o novo reforço do Zenit. Nesta sexta-feira, o clube russo oficializou a contratação do jogador brasileiro, que estava no Barcelona e foi adquirido junto ao time catalão por 40 milhões de euros (aproximadamente R$ 172 milhões).

A contratação foi confirmada pelo Zenit, com o Barcelona revelando os detalhes financeiros do acordo. E a equipe ainda poderá receber mais 5 milhões de euros (R$ 21,5 milhões) em variáveis da negociação, além de ter direito a parte do valor de uma eventual futura venda de Malcom pelo clube russo.

Malcom estava há apenas um ano no Barcelona, depois de atuar pelo Bordeaux, que o adquiriu junto ao Corinthians em janeiro de 2016. O atacante brasileiro, de 22 anos, teve dificuldades para conquistar seu espaço no clube catalão, tendo disputado 24 jogos, mas apenas 11 como titular, e marcado quatro gols.

Assim, o Barcelona viu no interesse do Zenit uma boa oportunidade de recuperar o valor investido na aquisição de Malcom – o clube pagou 41 milhões de euros (R$ 176 milhões, na cotação atual) ao Bordeaux há um ano. Agora, parte do valor pago ao time catalão será repassado ao Corinthians, o clube formador do atacante.

De acordo com o técnico do Zenit, Sergei Semak, o clube já havia tentado contratar Malcom antes da temporada 2018/2019, mas naquela oportunidade não teve sucesso nas negociações em função da forte concorrência – ele chegou a ser anunciado pela Roma, mas se transferiu para o Barcelona.

“Somos sempre guiados na política de transferências pela regra de contratar jogadores com as qualidades que a nossa equipe não tem. Nós buscamos Malcolm há um ano, quando meu trabalho no Zenit estava apenas começando. Mas naquela época, o valor da transferência era alto para nós. Este ano surgiu a oportunidade de comprá-lo. Malcolm é um jogador com boa velocidade, chute e drible”, disse ao site oficial do clube.

O treinador destacou que o Zenit aproveitou a pouca utilização de Malcom no Barcelona para buscar a sua contratação nesta janela de transferências. “Na temporada passada, ele teve ofertas de outros clubes, mas o Barcelona foi mais insistente. Entendemos o nível de competição no Barcelona e seu tempo de jogo como insuficiente. Neste momento, Malcolm decidiu vir para o nosso clube, o que nos deixa muito satisfeitos, porque na atualidade, quando muitos clubes europeus podem pagar um bom dinheiro, a aparição de tal jogador na Rússia é uma exceção à regra”, comentou.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora