Sampaoli elogia trio de reforços, mas diz ter indicado outros: ‘Perdi tempo’


Tratado como ídolo e unanimidade pela torcida do Santos, o técnico Jorge Sampaoli nem sempre tem a mesma boa relação com a diretoria do clube. Questionado sobre as recentes contratações do lateral-direito Pará, do zagueiro Luan Peres e do atacante Lucas Venuto, o treinador até elogiou os jogadores, mas revelou que havia indicado o nome de outros atletas, com os dirigentes tendo decidido sozinho por essas contratações, sem lhe consultar.

Além disso, Sampaoli deixou que a claro que essas contratações não eram a sua prioridade, pois ele havia pedido a chegada de jogadores para outros setores, especialmente para compensar a saída do volante Jean Lucas, que estava emprestado ao Santos e foi vendido pelo Flamengo ao Lyon.

“Sou muito insistente com a diretoria. Diretoria nem conheço na realidade, conheço o presidente, que decide. Passei necessidade há mais de dois meses. Seis ou sete nomes para vir ao menos dois. Lamentavelmente, não veio nenhum. O clube não teve condições de compartilhar comigo essas decisões dos três jogadores. Não era prioridade, como um substituto para o Jean Lucas o um meia pela esquerda. Foi trabalho sem sentido a minha escolha sobre o que a equipe precisava. O presidente ou quem foi decidiu sozinho agora. A verdade é que perdi meu tempo”, disse, em entrevista coletiva nesta sexta-feira no CT Rei Pelé.

De acordo com Sampaoli, o trio foi mais observado por ele no início da temporada, quando não foi possível realizar essas contratações. Agora, o clube conseguiu chegar a um acordo para compor o elenco visando a sequência do Campeonato Brasileiro, sendo que a contratação deles deverá ser oficializada em breve.

“São jogadores que observamos em janeiro. Luan Peres pode jogar na linha de três. Venuto é interessante, muito jovem. Pará vem para termos mais um lateral que realiza a função do Ferraz. Naquele momento, não foi possível e agora conseguimos, surgiu essa oportunidade. Para esta janela, a gente precisava de jogadores preparados para jogar no nosso sistema. Espero que se adaptem rápido”, disse.

Luan Peres vai aumentar as opções de zagueiros no momento em que o Santos teme perder Lucas Veríssimo para o futebol europeu e ainda convive com o impasse envolvendo Gustavo Henrique, em fim de contrato.

Lucas Venuto amplia as opções de pontas do Santos, que perdeu recentemente Rodrygo, hoje no Real Madrid, e deverá concorrer com Derlis González, Eduardo Sasha, Marinho e Soteldo. Já Pará será o reserva imediato de Victor Ferraz e teve a sua contratação defendida por Sampaoli.

“Precisamos lidar com a realidade do clube, não sei se há tanta resistência ao seu nome. Pensamos que dentro do mercado, é um jogador que pode dar a resposta que precisamos a curto prazo. O profissional tem de atuar de maneira fria e buscar o melhor para o Santos. Foi a alternativa que o clube me deu”, comentou.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora