Campeão da Copinha, técnico barbarense projeta futuro – O Liberal

Campeão da Copinha, técnico barbarense projeta futuro

Após título que ganhou com o Internacional, Fábio Matias já pensa em, um dia, poder trabalhar com o futebol profissional


Campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior, o técnico barbarense Fábio Matias já pensa em, futuramente, trabalhar com futebol profissional. Mas ele afirmou que, primeiro, precisa se manter em alta nas categorias de base.

Receba as notícias do LIBERAL pelo WhatsApp. Clique aqui e envie uma mensagem para ser adicionado na lista de transmissão!

Comandado por Fábio, o Internacional venceu a Copinha no último sábado, ao superar o Grêmio nos pênaltis, depois de um empate em 1 a 1 no tempo regulamentar. Os rivais disputaram a taça no Estádio do Pacaembu, em São Paulo.

Foto: Ricardo Duarte - Internacional
Fábio Matias conseguiu o ápice da sua carreira no sábado, quando foi campeão da Copinha pelo Inter de Porto Alegre

“O título da Copa São Paulo é bom, é ótimo. Mas, daqui uma semana, 30 dias, as pessoas já esquecem, e a gente já tem de, novamente, fazer um novo trabalho, um trabalho bom também, para poder entrar no mercado de treinador profissional”, disse o barbarense nesta segunda-feira, ao LIBERAL.

Apesar da autocobrança, o título fez Fábio atingir o ápice como técnico de base, conforme ele próprio reconhece. “É o máximo aonde um treinador de base pode chegar”.

O treinador ainda citou as coincidências proporcionadas pela competição. Nas duas primeiras fases, por exemplo, o Colorado jogou no Estádio Antonio Lins Ribeiro Guimarães, em Santa Bárbara d’Oeste, cidade natal do técnico.

Num primeiro momento, o município sequer era uma das sedes do torneio. O cenário mudou após a interdição da Arena Capivari, local que receberia os jogos do Grupo 7. As partidas, por fim, migraram para o estádio barbarense. “A gente fala sempre em coincidência para as coisas darem certo. Acabou acontecendo de eu ir jogar em Santa Bárbara”, diz.

O fato de a final ter sido contra o Grêmio, maior rival do Inter, foi outro ponto mencionado por Fábio. Ele acredita que esse confronto jamais vai se repetir numa decisão de Copinha.

Foto: Richard Callis / Fotoarena / Estadão Conteúdo
Internacional do técnico Fábio Matias venceu o Grêmio na final da Copa São Paulo de Futebol Júnior

Na soma dos últimos três anos, o comandante teve 75% de aproveitamento na Copa São Paulo, com 18 vitórias, cinco empates e uma derrota. Ele havia chegado às semifinais em 2018, com o Inter, e às quartas no ano passado, com o Figueirense.

“A gente sempre trabalha propondo o jogo”, aponta o técnico, que voltou ao Colorado em março de 2019 e, em seu retorno, ajudou o clube a tornar-se pentacampeão da Copinha.

Carreira

Fábio começou a atuar com futebol de base em 2001, no Rio Branco, como treinador de goleiros e preparador físico da categoria Sub-15. Ele chegou ao Tigre por indicação de Vander Batistella, atualmente diretor da Escola de Goleiros Camisa 1.

Ouça o “Além da Capa”, um podcast do LIBERAL

Em 2008, no Guarani, o barbarense passou a ser técnico. Fábio sagrou-se campeão do Paulista Sub-17 em 2012, com o Desportivo Brasil, e mudou-se para o Rio Grande do Sul em 2014, quando assumiu o elenco Sub-16 do Grêmio.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora