21 de maio de 2024 Atualizado 22:48

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

Fortaleza sai na frente, mas perde embalo e fica no empate com o Botafogo no Brasileiro

Por Agência Estado

12 de maio de 2024, às 19h15

O Fortaleza queria manter o embalo da goleada de 4 a 1 pela Sul-Americana neste domingo. Diante do Botafogo, a equipe até saiu na frente. No entanto, os donos da casa diminuíram o ritmo e permitiram a reação dos cariocas, que chegaram ao empate de 1 a 1 em pleno Castelão, pelo Campeonato Brasileiro.

Em jogo repleto de cartões amarelos, o Fortaleza saiu na frente logo aos dez minutos com um gol marcado por Pochettino. Quando tudo indicava que o time cearense iria emplacar mais um triunfo, Danilo Barbosa igualou o marcador já no final do primeiro tempo.

O resultado mantém a equipe cearense invicta no Nacional (uma vitória e cinco empates). O time do técnico argentino Juan Vojvoda chegou aos 7 pontos. Do outro lado, o Botafogo entrou em campo para permanecer entre os primeiros. E conseguiu ao ir para os 10 pontos.

No jogo, o time da casa se aproveitou das falhas defensivas do rival para estufar logo a rede. Aos 10, Breno Lopes lançou Pochettino, que partiu com a bola até a entrada da área, chutou forte, o goleiro John chegou a espalmar, mas a bola entrou.

Aos 17, mais pressão. O zagueiro Kuscevic lançou Marinho, que foi até a linha de fundo e tocou para trás. Renato Kaizer chutou, a bola passou pelo goleiro John Victor, mas parou em Alexander Barboza, que salvou quase em cima da risca.

O Botafogo, porém, mesmo precisando empatar, não mostrou efetividade. Teve mais domínio de bola, mas criou quase nada ofensivamente. O gol de empate saiu em um raro momento em que a defesa do Fortaleza ficou desconstruída.

Aos 40, Romero cobrou escanteio da direita e Danilo Barbosa subiu mais que a zaga rival e acertou o canto direito: 1 a 1 e festa para os jogadores do Botafogo que conseguiram empatar antes do final do primeiro tempo.

Na segunda etapa, o Botafogo voltou com a mesma formação, mas visivelmente com outra movimentação tanto defensiva como ofensivamente. O comportamento fez a equipe carioca ser mais perigosa, mas não o suficiente para virar o placar.

As equipes arriscaram mais de fora da área e não tiveram vergonha de cometer faltas duras. No total, dez jogadores levaram cartão amarelo. Só nos acréscimos que os times acordaram e criaram as melhores chances. No caso do Botafogo parou no goleiro e na falta de pontaria.

O Botafogo volta a campo na quinta-feira contra o Universitario, do Peru, pela Libertadores. Pelo Nacional, vai receber o Corinthians, no domingo.
O Fortaleza vai até Buenos Aires para enfrentar o Boca Juniors pela Sul-Americana, na quarta-feira. No Brasileiro, jogará na capital cearense contra o Athletico-PR no sábado.

FICHA TÉCNICA

FORTALEZA 1 X 1 BOTAFOGO

FORTALEZA – João Ricardo; Tinga, Kuscevic, Titi e Felipe Jonathan; Matheus Rossetto, Hércules (José Welison) e Pochettino (Machuca); Marinho (Yago Pikachu), Renato Kayzer (Lucero) e Breno Lopes (Moisés). Técnico: Juan Vojovda.

BOTAFOGO – John Victor; Mateo Ponte (Damián Suárez), Bastos, Alexander Barboza e Cuiabano; Danilo Barbosa (Marlon Freitas), Gregore, Tchê Tchê e Oscar Romero (Diego Hernández); Jeffinho (Savarino) e Luiz Henrique (Júnior Santos). Técnico: Artur Jorge.

GOLS – Pochettino, aos 10 minutos, e Danilo Barbosa, aos 41 do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS – Titi, Hércules, Lucero e Brítez (Fortaleza), John Victor, Mateo Ponte, Diego Hernández, Alexander Barboza, Cuiabano e Romero (Botafogo).

ÁRBITRO – Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO).

RENDA – Não disponível

PÚBLICO – 15.914 pagantes.

LOCAL – Arena Castelão, em Fortaleza (CE).

Publicidade