22 de maio de 2024 Atualizado 19:29

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

Flamengo goleia Bolívar e fica perto da vaga nas oitavas de final da Copa Libertadores

Por Agência Estado

15 de maio de 2024, às 23h38

O técnico Tite vai ter uns dias de folga das críticas após a vitória do Flamengo, nesta quarta-feira, no Maracanã, sobre o Bolivar, por 4 a 0, em duelo válido pela quinta rodada do Grupo E da Copa Libertadores. Com um futebol agressivo, a equipe da Gávea já vencia por três gols na primeira etapa.

Com o resultado, o Flamengo alcança os sete pontos e divide o segundo lugar na chave com o Palestino. Enquanto o Bolívar soma dez. Na última rodada, dia 28, mais uma vez no Maracanã, o adversário será o Millonarios-COL, eliminado com três pontos. Uma nova vitória vai garantir a equipe carioca nas oitavas de final.

O início da partida não poderia ser melhor para o Flamengo. Gerson abriu o placar aos 56 segundos, após bela jogada de Everton Cebolinha pela esquerda.

A desvantagem não intimidou o Bolivar, que assustou Rossi, aos três minutos, em finalização de Bruno. O jogo ficou aberto, com as equipes se lançando ao ataque.

De la Cruz esbanjou categoria no meio de campo e criou duas oportunidades para o Flamengo. A resposta do Bolívar foi assustadora. Patito Rodríguez invadiu a área, após tabelar com Bruno Sávio, e acertou a trave esquerda de Rossi.

O ritmo do jogo ficou intenso. Gerson arriscou forte chute, aos 17, enquanto Francisco da Costa voltou a incomodar Rossi, aos 24. Dois minutos depois, a ‘bomba’ de Arrascaeta explodiu no goleiro Lampe, que voltou a mostrar grande forma em finalização de Pedro, aos 30 minutos.

Se o duelo estava perigoso, duas falhas da zaga do Bolívar ajudaram a praticamente definir a vitória para o Flamengo. Aos 38, Orihuela falhou ao cortar um cruzamento de Gerson e a bola sobrou para Ayrton Lucas fazer 2 a 0. Aos 42, De La Cruz roubou a bola e Pedro lançou Cebolinha: 3 a 0.

O Bolívar voltou para a segunda etapa inconformado com o placar e disposto a diminuir desvantagem. Para isso, impôs forte marcação na saída de bola do time rubro-negro, que ficou preparado para os contra-ataques. E a tática carioca deu resultado.

Aos dez minutos, Pedro e Gerson fizeram boa tabela e o atacante, mesmo bastante pressionado, bateu de pé esquerdo para marcar o quarto gol brasileiro na partida.

A partir daí, o Bolívar desanimou e não teve forças para pelo menos diminuir a goleada, enquanto o Flamengo pareceu satisfeito com o resultado e passou a se poupar. Tite, então, coloca Luiz Araújo, Gabriel e Lorran em busca de motivação.

As mudanças dão resultado e o Flamengo mantém pressão na saída de bola do Bolívar. Com isso, chances são criadas. Lorran e Luiz Araújo pecaram nas finalizações. Ayrton Lucas acertou a trave. E o jogo acabou mesmo 4 a 0.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO 4 X 0 BOLÍVAR

FLAMENGO – Rossi; Varela, Fabrício Bruno, Léo Pereira (David Luiz) e Ayrton Lucas; Allan, De la Cruz (Igor Jesus) e Arrascaeta (Lorran); Everton Cebolinha (Luiz Araújo), Pedro (Gabriel) e Gerson. Técnico: Tite.

BOLÍVAR – Lampe; Saavedra (Yomar Rocha), Orihuela, Ordóñez e José Sagredo; Justiniano, Saucedo e Ramiro Vaca (Lucas Chávez); Bruno Sávio, Francisco da Costa e Pato Rodríguez (Henry Vaca). Técnico: Flavio Robatto

GOLS – Gerson aos 56 segundos, Ayrton Lucas aos 38 e Ecerton Cebolinha aos 42 minutos do primeiro tempo. Pedro aos dez do segundo.

CARTÕES AMARELOS – José Sagredo, Bruno Sávio

ÁRBITRO – Andres Matonte (URU).

RENDA – Não disponível

PÚBLICO – 59.424 torcedores.

LOCAL – Maracanã, no Rio (RJ).

Publicidade