19 de abril de 2021 Atualizado 22:39

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

Espanha sofre, mas vence nas Eliminatórias; Inglaterra e Dinamarca mantêm 100%

Por Agência Estado

28 mar 2021 às 15:22 • Última atualização 28 mar 2021 às 17:26

As primeiras rodadas das Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo do Catar não foram nada animadoras para a Espanha, campeã do mundo de 2010, que sofreu acima do esperado. Depois de um frustrante 1 a 1 em casa com a Grécia, na quinta-feira, os espanhóis passaram enorme sufoco para ganhar, de virada, neste domingo, em visita à Geórgia. Já Inglaterra e Dinamarca voltaram a vencer e seguem com 100% de aproveitamento.

Necessitando apagar a má impressão deixada diante da Grécia, a Espanha foi até o Estádio Boris Paichadaze (Dínamo Arena), na Geórgia, com a missão de se redimir e recuperar os pontos desperdiçados em casa pelo Grupo B.

Diante de 16 mil torcedores dispostos a empurrar a seleção da casa, viram Kvaratskhelia abrir o marcador para a Geórgia no primeiro tempo. O futebol apresentado era fraco e o resultado ruim. Ferran Torres, entretanto, deixou tudo igual, apesar de o empate ainda ser desfavorável e causar pavor nos espanhóis.

Na última vez que a seleção espanhola havia tropeçado em seus dois primeiros jogos numa eliminatória, em 1957, acabou não se classificando para o Mundial de 1958. A história, porém, não se repetiu graças a Olmo. O jogador, nos acréscimos, aproveitou falha do goleiro da Geórgia e decretou a virada e o alívio.

O triunfo deixa a seleção espanhola na liderança do Grupo B, com quatro pontos, mas a Suécia, vice-líder, ainda joga neste domingo diante do Kosovo e pode retomar a dianteira. A Geórgia é a lanterna da chave, ainda sem pontuar.

Pelo Grupo I, a Inglaterra ganhou pela segunda vez nas Eliminatórias, desta vez em visita à Albânia. O artilheiro Harry Kane abriu o caminho do triunfo por 2 a 0. Mason Mount fechou o placar, levando os ingleses aos seis pontos, na primeira colocação da chave, à frente justamente dos albaneses, que ficaram com três pontos.

O grande resultado na rodada, contudo, ocorreu na MCH Arena, em Herning. Em casa, a Dinamarca confirmou o favoritismo e deu enorme surra na Moldávia, goleando por impiedosos 8 a 0. Dolberg e Damsgaard anotaram duas vezes cada. Larsen, Jensen, Skov e Ingvartsen fecharam o massacre. Os dinamarqueses também venceram nas duas primeiras rodadas das Eliminatórias. Por isso, lideram o Grupo F. A Moldávia tem um ponto e ocupa o quinto lugar da chave.

Em outro jogo já encerrado, pelo Grupo J, a Armênia bateu a Islândia por 2 a 0 em casa, e foi aos seis pontos, ultrapassando a Alemanha, que entra em campo neste domingo, e pulando para o topo da chave. Os islandeses amargam a última posição, ainda zerados.

Publicidade