13 de junho de 2024 Atualizado 20:59

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

Éderson festeja ‘sonho’ de estar na seleção e planeja título da Copa América: ‘Fazer história’

Por Agência Estado

05 de junho de 2024, às 18h26

As realizações têm ocorrido rapidamente na carreira do volante Éderson. Reconhecido após integrar o time do Fortaleza na boa temporada de 2021, o atleta se transferiu para a Atalanta, na Itália, time no qual se sagrou campeão da Liga Europa, e agora não esconde a ansiedade por vestir pela primeira vez a camisa da seleção brasileira, com possibilidade de atuar na Copa América, competição a ter início no dia 20 deste mês.

“Só de estar aqui já é um sonho realizado. Trabalhei muito forte para chegar na seleção”, disse o jogador, em entrevista à CBF TV, nesta quarta-feira. “Quero poder participar e entrar na história ao conquistar a Copa América”, afirmou o atleta de 24 anos, nascido no Mato Grosso do Sul.

Líder de desarmes e bolas recuperadas nesta temporada pela Atalanta, Éderson ganhou elogios até de jornais espanhóis, como o As: “Ele combina consistência desde o início da temporada com um físico privilegiado que lhe permite percorrer muitos metros em alta intensidade ao longo dos 90 minutos”.

Segundo o diário, Éderson é “um jogador comprometido, que não brilha com a bola, mas que serve como aquela cola necessária em um bloco disposto a brigar por campeonatos”.

Éderson não esconde sua admiração por Casemiro. “Ele tem uma carreira enorme, incrível, um grande jogador. Costumo olhar muito para ele. É muito difícil você construir uma carreira como ele fez. Com certeza, o Casemiro tem alguma coisa especial.”

A seleção brasileira integra o Grupo D da Copa América e estreia na competição no dia 24, contra a Costa Rica, em Los Angeles, nos Estados Unidos. Paraguai e Colômbia são os outros adversários do grupo.

Antes da busca pelo décimo título da competição continental, os comandados do técnico Dorival Júnior vão realizar dois amistosos. O primeiro desafio é diante do México, no próximo sábado, no Texas. Em seguida, enfrenta os Estados Unidos, no dia 12, em Orlando, cidade base da preparação comandada por Dorival Junior.

Publicidade