06 de maio de 2021 Atualizado 23:59

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

Com show de Cavani e Bruno Fernandes, United goleia Roma; Villarreal bate Arsenal

Por Agência Estado

29 abr 2021 às 18:34 • Última atualização 29 abr 2021 às 18:57

Os times ingleses tiveram participações diferentes, nesta quinta-feira, nas semifinais da Liga Europa. Enquanto o Manchester United marcou goleada histórica, por 6 a 2, sobre a Roma, o Arsenal foi derrotado, na Espanha, pelo Villarreal.

As equipes voltam a se enfrentar na próxima quinta-feira, dia 6, com os mandos dos jogos invertidos. A Roma vai receber o United no Estádio Olímpico com a missão impossível de marcar uma vantagem de cinco gols, enquanto o Villarreal vai para o Emirates Stadium, em Londres, com a vantagem do empate para se classificar para a decisão.

O duelo em Manchester foi espetacular, repleto de gols bonitos, com cada time dominando um tempo. O primeiro foi da Roma, que mostrou força para virar o placar, depois que os ingleses saíram na frente com um belo gol de Bruno Fernandes, logo aos nove minutos. Pogba começou a jogada e Cavani deu linda assistência.

Os italianos não se abalaram e conseguiram o empate aos 15 minutos, com um pênalti convertido por Pellegrini, depois de Pogba meter a mão na bola dentro da área. A virada veio aos 34 minutos, com o artilheiro Dzeko, que completou dentro da pequena área jogada de todo o setor ofensivo.

Mas a segunda etapa foi um massacre do United, que conseguiu o empate aos três minutos, com Cavani. O uruguaio completou de forma magistral, ao receber bela assistência de Bruno Fernandes.

A partir daí, só deu Manchester. Foram quatro gols em 22 minutos e goleada sacramentada. Aos 19, Cavani não perdoou rebote do goleiro para fazer o terceiro, enquanto o quarto foi de Bruno Fernandes, de pênalti, aos 26.

Pogba, outro que teve atuação de destaque, fez com estilo de cabeça o quinto gol, aos 30. E ainda havia tempo para o sexto gol, marcado por Greenwood, em um contra-ataque com direito a assistência de trivela de Cavani.

Na Espanha, o panorama foi semelhante, com uma equipe melhor em cada tempo. O Villarreal se impôs desde o início e fez o primeiro gol logo aos cinco minutos, com Trigueros, que bateu forte e cruzado.

Albiol, aos 29, ampliou a vantagem espanhola, ao ser esperto e aproveitar um toque na primeira trave, após cobrança de escanteio pelo lado esquerdo.

O Arsenal voltou determinado a diminuir o prejuízo e foi bem melhor no tempo final, apesar da expulsão de Daniel Ceballos, aos 12 minutos. Mesmo assim os ingleses foram para cima e conseguiram marcar o primeiro gol, com Pepe, aos 28 minutos, em cobrança de pênalti.

O fim do jogo foi de pressão inglesa, principalmente após a expulsão de Capoue, aos 35 minutos, deixando a decisão aberta para a semana que vem na Inglaterra.

Publicidade