25 de setembro de 2020 Atualizado 17:02

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

+ Esportes

Bruno Soares leva virada e é eliminado nas quartas da chave de duplas em Doha

Por Agência Estado

08 jan 2020 às 18:58 • Última atualização 27 abr 2020 às 11:39

O Brasil não tem mais representantes na chave de duplas do ATP 250 de Doha, torneio disputado em quadras rápidas no Catar. Cabeças de chave número 1, o mineiro Bruno Soares e o croata Mate Pavic foram eliminados nesta quarta-feira, na fase de quartas de final, ao levarem a virada na partida contra o dinamarquês Frederik Nielsen e o alemão Tim Puetz por 2 sets a 1 – com parciais de 4/6, 6/2 e 10 a 7 no match tie-break, após 1 hora e 13 minutos.

A dupla formada pelos dois tenistas europeus se tornou algoz de brasileiros, já que no dia anterior haviam impedido um confronto nacional nas quartas de final depois de vencerem o gaúcho Marcelo Demoliner e seu parceiro holandês Matwe Middelkoop na rodada de estreia. Nas semifinais, eles agora enfrentam o britânico Luke Bambridge e o mexicano Santiago González.

Em preparação para o Aberto da Austrália, o primeiro Grand Slam da temporada que começará no próximo dia 20 em Melbourne, Bruno Soares e Mate Pavic disputarão mais um torneio na semana que vem. Eles jogarão o ATP 250 de Auckland, na Nova Zelândia.

O brasileiro e o croata jogam juntos desde o meio do ano passado e conquistaram em outubro o Masters 1000 de Xangai, na China. O mineiro de 37 anos e atual 21.º colocado no ranking individual de duplas já foi finalista em Doha em duas oportunidades – em 2014 com o austríaco Alexander Peya e em 2018 ao lado do britânico Jamie Murray.

Na chave de simples, o russo Andrey Rublev confirmou o seu favoritismo e venceu o seu jogo de estreia, se garantindo nas quartas de final. Segundo cabeça de chave e número 23 do mundo, o tenista da Rússia derrotou o casaque Mikhail Kukushkin, 66.º colocado do ranking da ATP, por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/2. Seu próximo rival será o francês Pierre-Hugues Herbert.

Quem decepcionou foi outro tenista da França. Jo-Wilfried Tsonga não conseguiu exercer a sua condição de terceiro favorito no torneio e perdeu para o sérvio Miomir Kecmanovic por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (11/9) e 6/1. Nas quartas, Kecmanovic vai enfrentar o húngaro Marton Fucsovics.

Publicidade