23 de abril de 2024 Atualizado 17:35

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Esporte

Booker marca 52 pontos e Phoenix Suns reage na NBA de olho nos playoffs

Por Agência Estado

02 de abril de 2024, às 09h59

Em duelo direto por uma vaga nos playoffs da NBA, o Phoenix Suns contou com o protagonismo de Devin Booker, autor de 52 pontos, para superar o New Orleans Pelicans por 124 a 111, fora de casa, na noite desta segunda-feira. O triunfo dos visitantes esquentou a disputa pelas últimas vagas no mata-mata da Conferência Oeste.

O time de Phoenix, que vinha de derrota, ocupa o sétimo lugar da tabela, com retrospecto de 44 vitórias e 31 derrotas. Está uma posição atrás dos Pelicans (45/30), que figuram dentro da zona de classificação direta aos playoffs – somente os seis primeiros colocados da cada conferência avançam diretamente ao mata-mata. Entre o 7º e o 10º há a disputa do play-in, a repescagem que dá mais duas vagas nos playoffs em cada conferência.

O triunfo desta segunda, portanto, pode ser decisivo para as ambições dos Suns. Booker conduziu a equipe em sua quinta melhor pontuação da carreira. Ele foi decisivo principalmente no primeiro tempo, com 24 pontos somente no quarto inicial. Ele foi para o intervalo com 37.

“Significa muito para mim essa vitória”, comemorou Booker, que é natural da cidade de Moss Point, no Estado do Mississippi, a 170 quilômetros de Nova Orleans. O jogador contou com torcida especial nas arquibancadas, com 40 pessoas, entre familiares e amigos. “Minha família esteve presente em dois jogos aqui. Sempre que você é nomeado por algo que Wilt fez – isso aconteceu muito poucas vezes na minha carreira – você sabe que fez algo especial.”

Booker se refere a um feito obtido nesta segunda. Ele se tornou o primeiro jogador da NBA desde a lenda Wilt Chamberlain a marcar ao menos 50 pontos em três jogos consecutivos contra o mesmo rival.

Pelo lado dos Pelicans, o destaque foi Zion Williamson, autor de 30 pontos. Os anfitriões tiveram os desfalques de Brandon Ingram e José Alvarado, ambos por problemas físicos.

Em outro bom jogo da rodada, o Boston Celtics venceu a segunda seguida, após a inesperada derrota para o Atlanta Hawks, na sexta-feira. O time vinha de uma série invicta de nove jogos. Nesta segunda, bateu o Charlotte Hornets por 118 a 104, fora de casa.

Jayson Tatum liderou a equipe visitante com um “double-double” de 25 pontos e 10 rebotes. O reserva Sam Hauser também contribuiu com 25 pontos. Pelos Hornets, Miles Bridges foi o cestinha da partida com 26 pontos e ainda esteve perto de terminar a noite com um “triple-double”, com seus 11 rebotes e oito assistências.

Os Celtics encaram a reta final da temporada regular como treino para o mata-mata. Dono da melhor campanha do campeonato até agora, o time de Boston já garantiu o primeiro lugar da Conferência Leste, com 59 triunfos e 16 derrotas. Os Hornets vivem situação oposta, sem qualquer chance de classificação, com 18 vitórias e 57 derrotas, no modesto 13º lugar da mesma tabela.

Confira os resultados da noite desta segunda:

Charlotte Hornets 104 x 118 Boston Celtics
Detroit Pistons 108 x 110 Memphis Grizzlies
Indiana Pacers 133 x 111 Brooklyn Nets
Orlando Magic 104 x 103 Portland Trail Blazers
Chicago Bulls 101 x 113 Atlanta Hawks
New Orleans Pelicans 111 x 124 Phoenix Suns

Acompanhe os jogos desta terça-feira:

Toronto Raptors x Los Angeles Lakers
Washington Wizards x Milwaukee Bucks
Miami Heat x New York Knicks
Philadelphia 76ers x Oklahoma City Thunder
Minnesota Timberwolves x Houston Rockets
Utah Jazz x Cleveland Cavaliers
Denver Nuggets x San Antonio Spurs
Golden State Warriors x Dallas Mavericks
Sacramento Kings x Los Angeles Clippers

Publicidade