18 de setembro de 2020 Atualizado 23:32

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Escolinha

Aulas do projeto Camisa 1 Futebol começam em 4 de fevereiro

Inscrições serão abertas a partir de terça-feira, no Campo do Laranja; projeto vai atender 150 crianças e adolescentes de 7 a 14 anos

Por Rodrigo Alonso

10 jan 2020 às 07:55 • Última atualização 27 abr 2020 às 12:12

Os treinos da Escola Camisa 1 Futebol serão iniciadas no dia 4 de fevereiro. A informação foi divulgada pelo diretor Vander Batistella nesta quinta-feira, durante o lançamento do projeto, no Campo do Laranja, no Jardim São Paulo.

A Camisa 1 Futebol será mantida pela mesma associação que comanda a Escola de Goleiros Camisa 1. O novo projeto, porém, vai promover aulas gratuitas para todas as posições, não apenas para goleiros. De acordo com Vander, a Camisa 1 Futebol poderá atender pelo menos 150 jovens, com idade de 7 a 14 anos.

Foto: Rodrigo Alonso / O Liberal
 Prefeito Omar Najar e Vander Batistella durante o lançamento do programa nesta quinta

As inscrições estarão abertas a partir da próxima terça-feira, na sede do projeto – Rua Castanheiras, 60 – ou pelos telefones (19) 9-9811-5566 e (19) 9-8153-9770.

Os interessados precisam estar acompanhados por um responsável no momento da matrícula. Eles também devem entregar à escola duas fotos 3×4 e uma cópia do RG.

“Nós temos de, literalmente, arregaçar as mangas, com toda a nossa equipe Camisa 1. Sei que vai ser um grande projeto, e muitas crianças irão se beneficiar. E nós queremos, realmente, formar cidadão de bem, transformar vidas”, disse Vander.

Os treinamentos serão comandados pelo professor Fabinho Tamazzi e por Marcio Rocha, ex-lateral-direito revelado pelo Rio Branco. Após a aposentadoria dos gramados, o ex-jogador atuou por dez anos como auxiliar técnico e, há um ano e meio, começou a trabalhar na Escola de Goleiros.

“É uma satisfação enorme mexer com criança, adolescente, seja a idade que for. São puros, honestos. E isso era um sonho que eu tinha, de ajudar de alguma forma com o que o futebol contribuiu com a minha vida”, declarou Rocha.

A cerimônia desta quinta ainda contou com a presença do prefeito Omar Najar (MDB). Segundo ele, o Campo do Laranja, que pertence ao município, estava “abandonado” até então.

“A gente sabe o trabalho que ele [Vander] desenvolve na Escola de Goleiros para todas as crianças. E aqui é um lugar maravilhoso para todo mundo usufruir. Eu fico feliz que está em boas mãos”, afirmou.

Publicidade